CINEMA

Bom título para um filme fraco

Eu Não Faço a Menor Ideia do que Eu Tô Fazendo com a Minha Vida é um drama frustrante

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Apenas o Fim revelou, em 2008, o talento do diretor Matheus Souza em abordar com simpatia os relacionamentos na juventude. Cinco anos depois, a frustração marca presença em seu novo trabalho. Chega a ser cansativo suportar a crise de insegurança que se abate sobre Clara (papel da atriz e cantora Clarice Falcão). Ela está no primeiro ano da faculdade de medicina e, por não saber ao certo se é isso que quer da vida, falta às aulas. Ao conhecer Guilherme (Rodrigo Pandolfo), gerente da casa de boliche do pai, a jovem se abre para novas perspectivas. O rapaz a ajuda a escolher outras profissões. Enquanto isso, Clara passa a se consultar com seus tios, interpretados por, entre outros, Alexandre Nero, Daniel Filho e Gregório Duvivier. O realizador-roteirista perdeu o timing do humor e enrolou-se em diálogos enfadonhos, prejudicados ainda mais pela atuação insossa da protagonista. Na intenção de voltar a registrar as dúvidas de uma geração, Souza só conseguiu captar o marasmo da mesma.

✪ Eu Não Faço a Menor Ideia do que Eu Tô Fazendo com a Minha Vida, de Matheus Souza (Brasil, 2012, 90min). 10 anos. Estreou em 20/12/2013. Cinemark Downtown 11, Estação Botafogo 2, Odeon Petrobras, UCI ParkShopping Campo Grande 6, UCI New York City Center 2.

Fonte: VEJA RIO