CINEMA

O médico e a paciente

Augustine mostra a relação do renomado neurologista francês Jean-Martin Charcot com a jovem que virou sua cobaia

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

AVALIAÇÃO ✪✪✪

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Em 1885, uma jovem de 19 anos servia seus ricos patrões quando teve uma constrangedora convulsão que a deixou com o olho esquerdo paralisado. Levada por uma prima ao hospital Pitié-Salpêtrière, em Paris, a moça passa a ser analisada pelo experiente neurologista Jean-Martin Charcot. Esse é o ponto de partida de Augustine, drama de estreia da diretora e roteirista francesa Alice Winocour. Protagonizado pela talentosa atriz Soko, como a jovem criada do papel-título, e Vincent Lindon, interpretando o neurologista, o filme escapa, com classe, do esquema didático para focar a delicada relação de poder instalada entre médico e paciente. A trama é inspirada em um trecho da vida de Charcot (1825-1893). Direção: Alice Winocour (Augustine, França, 2012, 101min). 14 anos. Estreou em 19/7/2013.

Estação Barra Point 1, Estação Ipanema 1, Estação Rio 1.

Fonte: VEJA RIO