Vai um cineminha aí?

Edição 2014 do Curta Cinema exibe 250 filmes

Com programação gratuita, o festival acontece de 5 a 12 de novembro, em quatro pontos da cidade

Por: Thayz Guimarães

curta cinema 2014
Sombra: curta francês abre a programação do festival, às 21h, no Estação Botafogo (Foto: Divulgação)

Começa nesta quarta (5) a 24ª edição do Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro - o Curta Cinema. Na programação, que vai até dia 12 de novembro, 250 filmes, nacionais e internacionais, se espraiam entre as diversas mostras em cartaz no Estação Botafogo, no Centro Cultural Justiça Federal, no Cinemaison e na Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Completam  o roteiro atividades paralelas como workshops de produção e direção, um laboratório de projetos comandado pelo cineasta Murilo Salles, além de debates e palestras sobre o cinema e suas fronteiras. A entrada é franca.

+ Mostra de cinema faz homenagem a Nelson Mandela

Para as mostras competitivas foram selecionados 24 filmes nacionais e 31 internacionais, realizados entre 2013 e 2014, e divididos em doze programas. Um dos destaques, o drama francês Enquanto nos Restam os Fuzis, vencedor do Urso de Ouro no Festival de Berlim 2014, será exibido no Estação Botafogo 2, no sábado (8), às 20h, e no Estação Botafogo 1, no domingo (9), às 19h. 

curta cinema 2014_1
Enquanto nos Restam os Fuzis: vencedor do Urso de Ouro é destaque na mostra competitiva internacional (Foto: Divulgação)

O Curta Cinema deste ano presta ainda sua homenagem à atriz brasileira Gilda Nomacce (De Menor; Quando Eu Era Vivo), na mostra especial "Gilda Retrô", que conta com 18 títulos. Serão exibidos também 24 filmes de diretores como Marco Dutra (Quando Eu Era Vivo), Juliana Rojas (Os Dias Com Ele) e João Marcos de Almeida (Eva Nil Cem Anos Sem Filmes).

Além das tradicionais mostras competitivas e outras como os Panoramas Carioca e Latino-Americano e o Cineclube LGBT, o destaque fica por conta da Foco Canadá, com exibição, entre outros, de quatro vídeos-performances de Dominik Pagacz, respeitado editor de som em cinema e TV, mais conhecido por seu trabalho em O Violino Vermelho, de 1998.

+ Confira outros filmes em cartaz na cidade

Outra novidade do festival, a parceria com o Cinemaison e a Unifrance exibirá um panorama francês nos moldes dos Carioca e Latino-Americano: O "Janela de Multidão, mostra de cinema político inspirada nas teorias dos filósofos Michael Hardt e Antonio Negri; "Em Trânsito", curtas que focam a relação do realizador com o estrangeiro, e "Processos Artísticos", que acompanham a trajetória e a criação de artistas plásticos, chargistas, escritores, fotógrafos e outros.

Confira a programação completa no site:  www.curtacinema.com.br

 

Fonte: VEJA RIO