CINEMA

Uma aventura animal

Rica em detalhes, a animação Zarafa é livremente inspirada na história real da primeira girafa a pisar na França

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

AVALIAÇÃO ✪✪✪

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Os diretores Jean-Christophe Lie e Rémi Bezançon juntaram forças na encantadora animação ambientada no início do século XIX. Na trama, o garoto Maki, feito prisioneiro no Sudão por um traficante de escravos, consegue escapar, mas vê seu algoz matar por maldade a mãe de uma pequena girafa. O menino cai nas graças do beduíno Hassan, que ruma em direção a Alexandria, no Egito. Lá, o árabe faz um trato com um paxá e deve levar o filhote, batizado por ele de Zarafa, como presente para Carlos X, o rei da França. O roteiro redondinho foi livremente inspirado na história real da primeira girafa a pisar em solo francês, que, posteriormente, virou atração no zoológico. As licenças poéticas fazem fluir a imaginação. Entre elas, a incrível viagem de balão que parte do norte da África, passa por Marselha e chega a Paris. Em técnica 2D, os desenhos são primorosos por reproduzir em detalhes a arquitetura e as construções daquela época. Curiosidade sobre os rea­lizadores: Jean-Christophe Lie é um dos desenhistas de As Bicicletas de Belleville e Rémi Bezançon dirigiu e escreveu a comédia dramática Um Evento Feliz. Direção: Jean-Christophe Lie e Rémi Bezançon (Zarafa, França/Bélgica, 2012, 78min). 10 anos. Estreou em 26/7/2013.

Dublado: Estação Botafogo 1, Estação Vivo Gávea 3.

Fonte: VEJA RIO