EXPOSIÇÕES

Yayoi Kusama

Japonesa é a mais festejada artista contemporânea em seu país e ganha sua primeira mostra individual no Brasil

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

AVALIAÇÃO ✪✪✪✪

Fernando Lemos
(Foto: Redação Veja rio)

Aos 84 anos e ainda produzindo intensamente, esta senhora japonesa é a mais festejada artista contemporânea em seu país. Sua primeira individual no Brasil, Obsessão Infinita, atração no CCBB, faz jus a todo o burburinho ouvido desde a abertura, há pouco mais de uma semana. Como o nome da mostra sugere, espalham-se pela maioria dos trabalhos, aos milhares, as bolas que se tornaram marca visual de Yayoi. O panorama reúne aproximadamente 100 obras produzidas entre o fim da década de 40 e o ano passado, nos mais variados suportes. As bolinhas já aparecem em criações antigas, como uma pintura sobre papel sem título de 1952. Também se repetem em 35 telas multicoloridas que evocam a estética da pop art (ela conviveu intensamente com Andy Warhol no fim dos anos 50). No conjunto selecionado, sobressaem as instalações ? e há várias, todas altamente convidativas. Uma das mais conhecidas, Infinity Mirror Room ? Phalli?s Field (or Floor Show), de 1965, é uma sala com paredes de espelhos e o chão repleto de objetos fálicos (outra das obsessões da artista, aliás) estampados com bolas vermelhas. Divertida, I?m Here, But Nothing (2000) reproduz com fidelidade a sala de uma residência comum, só para cobri-la completamente de adesivos circulares de várias cores que brilham sob luz negra.

Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. → Quarta a segunda, 9h às 21h. Grátis. Até 26 de janeiro.

Fonte: VEJA RIO