EXPOSIÇÕES

Álbum de história

Na 55ª edição, World Press Photo exibe 170 imagens marcantes publicadas na imprensa em 2011

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

roteiro-exposicoes-abre.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Ferido durante os protestos contra o presidente do Iêmen Ali Abdullah Saleh, um homem é amparado por uma mulher de burca. Publicada pelo jornal The New York Times em outubro do ano passado, a cena trágica e bela ganhou o prêmio de foto do ano na 55ª edição do mais importante concurso de fotojornalismo do mundo. O trabalho, do espanhol Samuel Aranda, está entre as 170 obras de 57 profissionais eleitas as melhores imagens colhidas na imprensa ao longo de 2011 e reunidas na coletiva World Press Photo.

Em cartaz a partir de terça (8) na Caixa Cultural, a mostra joga luz sobre importantes episódios da história mundial recente. Marcam forte presença na coleção, portanto, flagrantes da Primavera Árabe, como manifestações contra os ditadores Muamar Kadafi, da Líbia, e Hosni Mubarak, do Egito ? em cliques do russo Yuri Kozyrev e do italiano Alex Majoli,respectivamente. Outras situações impactantes eternizadas pelas câmeras mostram os efeitos do pior terremoto da história do Japão, ocorrido em março de 2011, e os corpos de vítimas do duplo atentado cometido na Noruega, em julho passado, pelo terrorista Anders Breivik. Nem todas as fotos selecionadas, porém, são tão carregadas de drama. Dividida em nove categorias, a exposição abre espaço para retratos, como o da bela atriz iraniana Mellica Mehraban, feito pelo dinamarquês Laerke Posselt, e curiosos momentos esportivos. Em um deles, o irlandês Ray McManus demonstra notável senso de composição ao registrar a disputa de uma partida de rúgbi entre os times do Old Belvedere e do Blackrock, em Dublin.

World Press Photo. Caixa Cultural ? Espaço Livraria. Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 2544-4080, ? Carioca. → Terça a domingo, 10h às 21h. Grátis. Até 3 de junho. A partir de terça (8). www.caixacultural.com.br.

Fonte: VEJA RIO