EXPOSIÇÕES

Wilma Martins

Artista celebra seus 80 anos de vida com mostra individual no Paço Imperial

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

AVALIAÇÃO ✪✪✪✪

Wilton Montenegro/divulgaçÃo
(Foto: Redação Veja rio)

Dona de personalidade introspectiva, a mineira Wilma Martins não expunha seus trabalhos em uma individual fazia quase trinta anos ? período especialmente longo tratando-se de uma artista do seu quilate, com participação nas bienais de São Paulo e Veneza no currículo. Tal situação é reparada na alentada retrospectiva Cotidiano e Sonho, no Paço Imperial. Trata-se de uma celebração de seus 80 anos de vida (que ela completa em fevereiro) e sessenta de carreira, reunindo cerca de 140 obras em variadas técnicas. No acervo, chama atenção uma coleção de belas xilogravuras, algumas com imagens de tom surrealista, produzidas na década de 60. O traço sofisticado de Wilma aparece em sua plenitude nas dezenas de criações da série Cotidiano ? na qual animais diversos, como jacarés, ursos e galinhas, invadem ambientes domésticos e paisagens naturais se insinuam em lugares insuspeitos, a exemplo de gavetas e camas.

Paço Imperial. Praça XV de Novembro, 48, Centro, ☎ 2215-2093. Terça a domingo, 12h às 18h. Fecha na terça (31) e na quarta (1º). Grátis. Até 16 de fevereiro.

Outras individuais: um passeio pelo paço pode incluir ainda a visita às mostras de Mariana Manhães, Willys de Castro, Sergio Camargo, Vicente de Mello e Rogerio Luz

Fonte: VEJA RIO