EDIÇÃO DA SEMANA

Uma volta... por Pilares com a cantora Sandra de Sá

Mesmo trinta anos depois de se mudar, a cantora não deixou de visitar a vizinhança onde foi criada. Conheça os pontos preferidos dela por lá

Por: Louise Peres - Atualizado em

uma-volta.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Na música Baile do Asfalto, Sandra de Sá faz uma clara homenagem ao lugar onde nasceu e foi criada. Em meio às estrofes do samba, gravado por Seu Jorge em 2010, aparecem referências à Capela de São Jorge, ao Boteco do Laércio e à Rua Guarabu, todos endereços de Pilares. Apesar de ter se mudado dali há mais de trinta anos, a cantora nunca se distanciou da região, que acabou virando seu refúgio de fim de semana. "Aproveito as brechas entre os shows na Zona Norte para visitar os amigos e familiares. Eu me sinto em casa quando ando por aquelas ruas. Parece até que volto no tempo", conta. Entre as principais recordações da adolescência no bairro, Sandra guarda a lembrança dos carnavais na Avenida João Ribeiro, onde a Caprichosos desfilava, e dos bailes no Centro do Comércio e Indústria de Pilares, o principal clube local, frequentado por ela até hoje. A propósito: depois da apresentação que fará neste sábado (7) na Lona Cultural João Bosco, em Vista Alegre, já está na agenda a paradinha na antiga vizinhança, com direito a reencontros e a uma cervejinha bem gelada na calçada.

"É um bairro que guarda a essência do subúrbio, onde as pessoas fazem churrasquinho na calçada e as crianças brincam na rua"

Fonte: VEJA RIO