EDIÇÃO DA SEMANA

Uma volta... pela Praça da Bandeira com a chef Kátia Barbosa

Há cinco anos, o bairro do premiado Aconchego Carioca também virou o lar de sua mestre-cuca, Katia Barbosa. Veja as dicas dela na região

Por: Louise Peres - Atualizado em

uma-volta-01-abre.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Nada paga a facilidade de sair de sua própria cozinha e, após uma caminhada de cerca de dois minutos, estar na porta de casa. Foi essa a principal motivação de Kátia Barbosa ao trocar, há cinco anos, sua casa no Alto da Boa Vista por um apartamento numa pacata travessa da Praça da Bandeira. "Agora faço tudo a pé!", conta a chef, que nasceu e cresceu em Ramos. "Nos dias em que estou mais animada, vou andando até a Cadeg. E quando quero ir até a Zona Sul pego um ônibus e atravesso o Túnel Rebouças em cinco minutos." Adepta de caminhadas diárias para explorar o local e seus arredores, Kátia em pouco tempo se viu apaixonada pela região. "Para a maioria dos cariocas, é apenas um lugar de passagem. Descobri um cantinho bucólico, com ruas charmosinhas e vizinhos que se conhecem, como nos subúrbios de antigamente. Sinceramente, não troco isto aqui por mais nada", garante a cozinheira, que foi a grande responsável por inserir o bairro na rota gastronômica da cidade com a abertura, em 2002, do premiado restaurante Aconchego Carioca.

"É um cantinho privilegiado da Zona Norte, perto do Centro, da Linha Amarela e a uma curta distância da Zona Sul"

Fonte: VEJA RIO