Histórias Cariocas

Histórias Cariocas

- Atualizado em

Documentos antigos, guardados em espaço futurista
Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Papéis amarelados e fotos se rasgando de tão velhas vão virar, de fato, coisas do passado. No Memorial do Estado do Rio de Janeiro, cujo prédio abre as portas em 2014, o foco será a digitalização de documentos. Aos poucos, simultaneamente às obras da nova sede, ganham versões eletrônicas preciosidades como as primeiras escrituras da cidade, notas fiscais de venda de escravos e livros que registram a chegada de estrangeiros ao porto. Deve dar um trabalhão: serão digitalizados 400 000 imagens e 4 quilômetros de papelada. Mas nem tudo poderá ser visto pelos internautas: para consultar prontuários de presos e zfichas do Instituto Médico-Legal (IML) continuará sendo necessário ter autorização especial.

Notícias da Rússia
Helen Sessions / Alamy
(Foto: Redação Veja rio)

A beleza do Kremlin, o sabor da vodca, a graça das bonecas matrioschkas... O que mais vem à mente quando o assunto é Rússia? Se o leitor não consegue pensar em nada, saiba que não faltam notícias no R dos Brics. Prova disso é a rotina atribulada do 14º andar de um prédio da Avenida Rio Branco, no Centro, onde funciona a rádio on-line Voz da Rússia. Trata-se do mais importante órgão divulgador da cultura, economia e política daquele país. Braço de uma empresa privada, ela emprega onze jornalistas brasileiros, quatro deles fluentes em russo. Ao contrário do velho Pravda, que só publicava o que o regime comunista queria, a linha editorial da emissora é aberta.

Aula de inglês no palco
AP Photo
(Foto: Redação Veja rio)

Houve quem duvidasse que faria sucesso uma peça sem diálogos, só com músicas, todas elas em inglês. Pois fez. A trupe de Fascinante Gershwin provou que a ideia era viável, reunindo, de junho para cá, mais de 20 000 pessoas na plateia, em 120 apresentações por casas como o Centro Cultural Justiça Federal, o Fashion Mall e o Teatro do Leblon. Agora, a atriz Sabrina Korgut, o ator-dançarino Fabrício Negri e o diretor Rubens Lima Júnior encaram novo desafio: ensaiam os primeiros passos de Meu Querido Irving, espetáculo baseado na obra de Irving Berlin, compositor russo-americano, autor de clássicos como White Christmas e God Bless America. A fórmula será mantida: nada de texto, apenas dança, sapateado, canto ? e nenhuma palavra em português.

Memória da Cidade
Reprodução
(Foto: Redação Veja rio)

Neste ano, pela quinta vez, o Flamengo tornou-se campeão carioca invicto. Já havia sido em 1915, 1920, 1979 e 1996. Na primeira conquista sem derrotas, o elenco contava com atletas como o goleiro Baena, o zagueiro Píndaro e os atacantes Pullen, Borgerth e Riemer. Na campanha, eles golearam o Fluminense por 5 a 0, mas vacilaram diante do extinto Rio Cricket, empatando por 2 a 2. O adversário do domingo passado (1º) ? o Vasco ? não jogou contra o rubro-negro naquele longínquo campeonato: era então um clube de regatas, sem departamento de futebol.

Corra que a polícia vem aí
Gisele Libutti
(Foto: Redação Veja rio)

O secretário de Segurança Pública do estado, José Mariano Beltrame, brigava com a balança na adolescência. Quando tinha 20 anos, resolveu fechar a boca, emagreceu e virou maratonista amador. No domingo que vem (15), seu fôlego será testado: vai participar, junto com boa parte da cúpula da polícia, da Corrida do Bem, pelos caminhos de terra que serviram de rota de fuga para traficantes, em novembro, na ocupação do Complexo do Alemão. Serão 4,8 quilômetros, com subidas íngremes. Beltrame estará contrariando seus médicos: faz um ano que ele não corre, após ter recebido um diagnóstico de hérnia de disco. Enfrentará o desafio porque a causa, como diz, "é nobre".

Fonte: VEJA RIO