acordo

Supervia indenizará família de atropelado por trem

Imagem de uma composição passando por cima do corpo do ambulante Adílio Cabral dos Santos gerou polêmica

Por: Redação Veja Rio - Atualizado em

Supervia
Momentos antes do trem passar por cima do corpo (Foto: Reprodução Guadalupe News)

A família de Adílio Cabral dos Santos, de 33 anos, receberá uma indenização da Supervia pelo atropelamento do ambulante no último dia 28. Ele foi atingido após pular o muro e chegar aos trilhos próximo à estação de Madureira. Enquanto o corpo ainda estava na linha, a concessionária autorizou que uma composição passasse por cima, para que o trânsito no ramal não fosse interrompido. A imagem gravada e divulgada por um passageiro causou grande polêmica. 

+ Guarda Municipal fará curso para evitar arrastões na orla

“A mãe da vítima procurou a Defensoria Pública em Madureira e a defensora pública avaliou a possibilidade de acordo com a SuperVia, como já aconteceu em outras ocasiões este ano. A solução extrajudicial tem como ponto principal indenizar os familiares o mais rápido possível”, disse, em nota, o defensor público-geral, André Castro. O valor da indenização não foi divulgado.

 

Fonte: VEJA RIO