MODA

O segundo dia de Fashion Rio

Conheça as tendências exibidas pelas grifes Oestúdio, Sacada, Filhas de Gaia, 2ndFloor e Espaço Fashion nesta quinta (8)

Por: Daniela Pessoa - Atualizado em

OESTÚDIO

oestudio.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

O coletivo de designers levou looks com detalhes de transparência, tricôs puídos e capas para a passarela do Fashion Rio. A marca também investiu em estampas gráficas coloridas que quebraram a cartela de cores escuras composta por tons de cinza e preto.

Clique aqui para saber como foi o primeiro dia de desfiles do Fashion Rio Inverno 2013

Clique aqui e conheça as modelos mais top que vão desfilar nesta edição

SACADA

sacada.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Looks monocromáticos, golas e peças acinturadas fazem parte da coleção inverno 2013 desfilada pela grife. As modelagens masculinizadas contrastaram com a feminilidade do brilho, dos bordados e das estampas coloridas. Uma profusão de couro e veludo, tecidos tradicionais da estação fria, reinou em vestidos sóbrios e sofisticados, longos e com mangas compridas ou com transparência sexy. Além da saia lápis, a clássica godê foi um dos grandes destaques, surgindo em tecidos estruturados ou fluidos e até sobrepostas a calças. Na cartela de cores, vinho, verde escuro, preto, amarelo, laranja, azul e branco.

FILHAS DE GAIA

filhasdegaia.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Mistura de materiais, formas amplas e cores inusitadas como amarelo-limão foi o que se viu na passarela. Decotes, punhos e barras receberam aplicação de ribanas de couro, enquanto capuzes foram transformados em maxigolas. Estampas geométricas e poás irregulares deram vida a vestidos, saias e blusas.

2ND FLOOR

2ndfloor.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

A equipe de criação da marca passou doze dias no Japão para se aprofundar em referências que embasassem a coleção de inverno 2013. Robôs e desenhos japoneses ganharam releituras suaves - os ombros largos e marcados são fruto deles -, enquanto as estampas foram inspiradas em origamis e dobraduras. Tudo em tom pastel, quebrando a austeridade do inverno. O couro aparece na versão bruta estruturando as camisetas, e o jeans sem lavagem. Já os acessórios são máxi, como a clutch de madeira. Chamou atenção, ainda, a sandália com tiras assimétricas.

ESPAÇO FASHION

espacofashion.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Inspirada na mitologia grega, no tarô e nas crenças em geral sobre sorte, fortuna e destino, a grife apresentou na passarela vestidos e saias maxi e mini, jaquetas e pulls oversized, shorts, bermudas e calça baggy, muitos deles com cortes geométricos. Entre os materiais, seda, sarja, jeans ice, couro de ovelha e cabra e tricô jacquard. Na cartela de cores, off-white, preto, oliva, vinho e verde acinzentado.

Fonte: VEJA RIO