CARNAVAL

São Clemente

Conheça o samba-enredo 2012 da escola, "Uma aventura musical na Sapucaí"

- Atualizado em

sao-clemente.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

A piada de humor negro que grassava no Carnaval de 2011 é que, no duro, só uma escola havia se dado bem com o incêndio dos barracões: a São Clemente. Pois ficou decidido que nenhuma concorrente seria rebaixada, e a bola da vez parecia mesmo ser a agremiação amarela e preta de Botafogo - que amargou o último lugar entre as que concorriam. Mesmo assim ela manteve todo o time para 2012, do carnavalesco à porta-bandeira. Falará de musicais, com a leveza e a alegria que lhe são peculiares.

A escola

Nome completo São Clemente

Ano de fundação 1961

Símbolo O Morro do Pão de Açúcar

Base Botafogo

Cores Amarelo e preto

Algumas figuras ilustres Carlinhos Andrade, Ivo Gomes, Roberto Costa

Versos que marcaram ?Todo mundo pelado, beleza pura /todo mundo pelado, mas que loucura?

Títulos no grupo principal Nenhum

Ano passado 9º lugar

Atual presidente Renato Almeida Gomes

O desfile

Enredo Uma Aventura Musical na Sapucaí

Carnavalesco Fábio Ricardo

Mestres de bateria Caliquinho e Gilberto Almeida

Rainha da bateria Bruna Almeida

Autores do samba Flavinho Segal, FM, Grey, Guguinha, Marcos Antunes, Ricardo Góes, Serginho Machado e Vânia Soares

Intérprete Igor Sorriso

Coreógrafo da comissão Caio Nunes

Mestre-sala Bira

Porta-bandeira Jaqueline

Uma ala bacana A bateria, citando o musical Um Violinista no Telhado

Uma alegoria legal O carro abre-alas, cujo tema é O Fantasma da Ópera

Famosos convidados Totia Meirelles, Sérgio Cabral (pai), Eduardo Galvão, Adriana Garambone

Concentração No edifício Balança

Entrada na avenida Segunda-feira, às 21h

O samba

Prepare o seu coração

É pura emoção

A sirene acabou de tocar (u-lá-lá)

A orquestra começou

E entoou o meu cantar

Vem viajar na magia

Do meu cabaré, com samba no pé

Vem exibir, pode aplaudir

Será que é sonho meu?

"Sucesso, aqui vou eu"

Põe a máscara pra mim

Vem comigo a hora é esta

Não sei viver sem você

És o artista, faz a nossa festa

De tudo aconteceu

Puxa! Aqui Paris é Avenida

Hoje o malandro sou eu

Vi a tristeza feliz da vida

Dei um susto o fantasma sumiu (búuu)

Sou irreverente

Se o samba empolgou, virou Carnaval

Nossa aventura musical

Noviça dançou, ao som da canção

E conquistou meu coração...

Tem Bububu no Bobobó

Sem Sassarico é o "ó"

Bumbum de fora, pernas pro ar

Bravo !!! A São Clemente vai passar

Fonte: VEJA RIO