SUSTENTABILIDADE

A programação da Rio+20 nesta sexta

Começa nesta sexta (15), a Cúpula dos Povos, maior evento paralelo à Rio+20. Veja essa e outras atrações da conferência da ONU sobre desenvolvimento sustentável

Por: Ernesto Neves - Atualizado em

Alexandre Macieira/Riotur
(Foto: Redação Veja rio)

Cúpula dos Povos. Começa nesta sexta (15), no Aterro do Flamengo, o maior evento paralelo à Rio+20. Cerca de 20.000 pessoas são esperadas no parque, que terá cinco tendas com capacidade para até 800 pessoas. Nesta sexta, o palco principal do evento terá apresentação às 19h15 do grupo Anasim e às 20h15 do Sexteto Vocal e Tânia Amorim. No anfiteatro, será realizado às 19h um recital com o Corujão da Poesia e, às 20h, apresentação de Cláudio Salles e Os Aliens e Movimento Pop Goiaba. No Palco maior de intervenções cênicas, acontecem às 10h números do circo de Marcos Frota e às 18h, show do grupo de dança Fusões Orientais. (Veja aqui a programação completa).

Forte de Copacabana. Na Sala de Exposições Temporárias do Museu do Exército entra em cartaz, nesta sexta (15), a mostra Solo Brasileiro, que conta com 15 registros feitos pela fotógrafa Cristina Oldemburg. As imagens ampliam em grandes dimensões partículas mínimas de terra, como minérios, pedras e cristais.

Onde: Praça Coronel Eugênio Franco, 1, Copacabana, ☎ 2521-1032. Terça a domingo, 10h às 18h. R$ 6,00. Até 1º de julho.

Humanidade 2012. As atrações desta sexta ficam por conta do show de Leo Tomassini, Rubinho Jacobina e Dany Daniel Roland, que acontece às 17h no espaço café. No mesmo espaço acontece, às 20h, um bate papo com o filósofo Pedro Duarte.

Onde: Forte de Copacabana, de 12 a 22 de junho. 10h às 21h (última entrada do público às 19h30). Grátis. (Confira todos os detalhes do Humanidade 2012)

Alexandre Macieira/Riotur
(Foto: Redação Veja rio)

Museu da República. Na tenda Ágora Ambiental, montada no espaço externo ao museu, acontecem uma série de atividades. Às 10h será exibido o filme Deus É Brasileiro e o Petróleo é Nosso. Às 14h serão exibidos pinturas e grafismos indígenas. Às 16h haverá apresentação da índia Djuena Tikuna. Às 17h, será a vez do Terra Indígena Garapirá e às18h, o grupo Tocando o Rio Faz Teatro apresentará esquetes.

Museu de Arte Moderna. O artista goiano Siron Franco exibe sua grande videoinstalação sensorial. São 600 metros quadrados dedicados ao cerrado, e o visitante é exposto aos cheiros, sons e imagens típicas da vegetação que cobre a Região Centro-Oeste brasileira e está ameaçada pelo avanço agrícola. Onde: Museu de Arte Moderna. Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, Centro, tel. 2240-4944. Terça a sexta, 11h às 18h; sábado, domingo e feriados, 11h às 19h. Grátis

Fonte: VEJA RIO