COTIDIANO

Programa Sena Limpa anuncia segunda fase de despoluição de praias do Rio

Programa se estenderá às praias de Copacabana, Pepê, Botafogo, Flamengo, Guanabara e Paquetá

- Atualizado em

copacabana6_ricardo.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

A Secretaria do Ambiente lançou nesta terça (29) a segunda etapa do programa Sena Limpa. O projeto, que tem como objetivo recuperar praias da cidade que estão impróprias para o banho, já investiu, desde 2012, mais de R$ 150 milhões em ações de despoluição das praias de São Conrado, Ipanema, Leme, Urca/Praia Vermelha e Praia da Bica. Nesta segunda fase, que deve custar mais de R$ 200 milhões, serão contempladas as praias de Paquetá, Praia de Guanabara, Flamengo, Botafogo, Copacabana e Pepê/Joatinga. Os locais devem ser despoluídos até 2016.

A principal diferença da nova fase do projeto é a natureza das praias. Enquanto na primeira etapa a maior parte das praias escolhidas era oceânica e apenas duas estavam dentro da Baía de Guanabara, nesta segunda fase de intervenções, os esforços de saneamento se concentraram em praias banhadas pela baía. Desde o início do Sena Limpa 1, as condições de banho na Praia de Ipanema melhoraram 60%. Já o Leme teve uma melhora de 50% e a Praia Vermelha, de 90%. A meta do projeto é manter a boa balneabilidade para as praias durante 90% do ano.

Fonte: VEJA RIO