ROTEIRO DA SEMANA

Crianças - Teatro

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

A BELA LASANHA E A FERA RAVIÓLI, de Monica Biel. Batizadas com nomes de massa, as palhaças Ana Barroso e Monica Biel estrelam a montagem. Em um estúdio de TV, tentam interpretar a trama de A Bela e a Fera. Sem conseguir satisfazer o diretor, porém, a dupla desiste da carreira na TV. Desoladas, em um banco de praça, elas são convencidas por um grupo de crianças a encenar a história ali mesmo. Durante a sessão, elas recorrem a improvisos, além de trocas de cenário e figurino. Direção de Ana Barroso e da autora (50min). Rec. a partir de 3 anos. Reestreou em 19/11/2011. Sesc Tijuca (264 lugares). Rua Barão de Mesquita, 539, Tijuca, ☎ 3238-2100. Sábado e domingo, 17h. R$ 12,00. Bilheteria: a partir das 15h (sáb. e dom.). Até 11 de dezembro.

✪✪✪✪ CABELOS ARREPIADOS, de Karen Acioly. Seis crianças ? Tico (Kiko do Valle), Cora (Daíra Saboia), Dora (Haline de Oliveira), Ciro (Jonas Hammar), Clara e Flora (ambas Tatih Köhler) ? não dormem desde que tiveram seus sonhos roubados. Elas protagonizam cinco histórias musicadas, interligadas por Juca e Chico (Tony Lucchesi e Jules Vandystadt), estrelas de um livro do alemão Wilhelm Busch. Texto e estética remetem a autores da literatura fantástica, como Busch e Edgar Allan Poe, e cineastas influenciados pelo gênero, a exemplo de Tim Burton. Entre o clima de terror e a delicadeza, as tramas são embaladas por boas canções levadas ao vivo pelo afiado elenco. Direção da autora (55min). Rec. a partir de 7 anos. Estreou em 15/10/2011. Centro Cultural Banco do Brasil ? Teatro II (155 lugares). Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Sábado e domingo, 16h. Grátis. Senhas distribuídas uma hora antes. Até 18 de dezembro.

✪✪✪ COCORICÓ ? O SHOW, de Flavio de Souza. Sucesso na TV Cultura, o programa apresenta Júlio, menino da cidade grande que vai passar as férias na casa dos avós, no interior, e se encanta com a natureza. No espetáculo, ele e seus amigos são convidados a participar de um show que reunirá vários artistas. De repente, a turma é avisada de que todos os outros números foram cancelados ? cabe a eles, então, salvar o evento. Vestidos com as fantasias dos personagens, os atores encarnam, além de Júlio, o cavalo Alípio e as galinhas Lola, Zazá e Lilica, entre outros tipos. As vozes foram gravadas por seus dubladores na TV. Quinze canções costuram a narrativa, indicada para crianças de até 7 anos. Direção de Marília Toledo (60min). Estreou em 12/11/2011. Teatro Oi Casa Grande (926 lugares). Avenida Afrânio de Melo Franco, 290, Leblon, ☎ 2511-0800. Sábado, 17h; domingo, 16h. R$ 40,00 (balcão setor 3) a R$ 80,00 (plateia setor vip e camarote). Bilheteria: a partir das 12h (sáb. e dom.). IC. Até domingo (4).

✪✪✪ CORAÇÃO CANÇÃO, de Renata Maia. O amor é o tema deste espetáculo simples, mas cativante, conduzido por um casal de personagens sem nome. Não há diálogos ? o tema é abordado através de repertório musical interpretado ao vivo. Com as canções dispostas em ordem engenhosamente pensada, as letras constroem uma história romântica, da descoberta do amor na infância até a reconciliação pós-briga, já na fase adulta. A seleção inclui de Se Enamora (sucesso do Balão Mágico) à cantiga popular Se Essa Rua Fosse Minha, entoadas por um desenvolto elenco formado por jovens entre 8 e 25 anos. Direção da autora (50min). Livre. Estreou em 5/11/2011. Teatro Clara Nunes (527 lugares). Rua Marquês de São Vicente, 52 (Shopping da Gávea), Gávea, ☎ 2274-9696. Sábado e domingo, 17h. R$ 50,00. Bilheteria: a partir das 14h (sáb. e dom.). IC. Estac. (R$ 6,00 por duas horas). Até 18 de dezembro.

A FÁBRICA DE BRINQUEDOS DO PAPAI NOEL, dos Estúdios Mauricio de Sousa. Após Era uma Vez na Floresta, com mensagem ecológica, a Turma da Mônica volta ao palco com uma trama sobre o Natal. Mônica, Cebolinha, Magali, Cascão e Franjinha aparecem caracterizados como duendes ajudantes do Papai Noel. Enquanto criam os brinquedos que serão distribuídos às crianças, apresentam números musicais que estimulam a reflexão sobre a importância da data. Direção de Mauro Sousa (55min). Livre. Estreou em 19/11/2011. Teatro das Artes (457 lugares). Rua Marquês de São Vicente, 52 (Shopping da Gávea), Gávea, ☎ 2540-6004. Sábado e domingo, 15h e 17h. R$ 60,00. Bilheteria: 15h/20h (ter. a sex.); a partir das 14h (sáb. e dom.). Cc: M. Cd: R. IC. Estac. (R$ 6,00 por duas horas). Até 18 de dezembro.

✪✪✪ FILHOTES DA AMAZÔNIA. Leia em Veja Rio Recomenda. Direção de Wanderley Piras e Adriana Telg (50min). Livre. Estreou em 19/11/2011. Caixa Cultural ? Teatro Nelson Rodrigues (388 lugares). Avenida República do Chile, 230, Centro, ☎ 2262-5483, ? Carioca. → Sábado e domingo, 16h. Grátis. Senhas distribuídas uma hora antes. Até domingo (4).

✪✪✪ O GATO DE BOTAS ? O MUSICAL, adaptação de Walter Daguerre. Baseada no conto de Charles Perrault, a peça conta a história de um moleiro dono de um moinho, um burro e um gato. Ao dividir sua herança entre os filhos, dá o felino (Chris Penna) ao caçula ? ele logo percebe que o bichano vai lhe trazer boas realizações, incluindo o amor de uma princesa (Andrea Veiga). O elenco se sai bem, com destaque para a ótima atua­ção de Penna. Também chamam atenção os bonitos figurinos. Embalam a montagem temas compostos para o espetáculo e cantados ao vivo, além de obras de autores eruditos, como Bach. Direção de Daniel Dias da Silva (60min). Livre. Estreou em 8/10/2011. Solar de Botafogo (182 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, ☎ 2543-5411. Sábado, 17h; domingo, 16h. R$ 40,00 e R$ 15,00 (campanha Teatro para Todos). Bilheteria: a partir das 15h (sáb. e dom.). IC. Até 18 de dezembro.

✪✪✪✪ O HOMEM QUE AMAVA CAIXAS, adaptação de Gustavo Bicalho e Henrique Gonçalves. A bela montagem transpõe para o palco a história do livro The Man Who Loved Boxes, do australiano Stephen Michael King. Em cena, aborda-se a relação entre um sujeito introvertido e seu filho. Apaixonado por caixas, o pai (Márcio Nascimento) usa objetos de sua coleção para se aproximar do garoto (um boneco manipulado por Bruno Oliveira), criando uma forma diferente de demonstrar seu afeto. Sem uma linha de diálogo, o espetáculo é tocante em sua delicadeza. Caixas no cenário se transformam em casa, montanha, castelo e aviões. O elenco canta ao vivo, acompanhado pela trilha instrumental de Daniel Belquer. Direção dos autores (45min). Livre. Reestreou em 26/11/2011. Teatro Dulcina (429 lugares). Rua Alcindo Guanabara, 17, Centro, ☎ 2240-4879. Sábado e domingo, 16h. R$ 10,00. Bilheteria: a partir das 14h (sáb. e dom.). Até 18 de dezembro.

✪✪ LOJA DE BRINQUEDOS, de Claudio Figueira. Menina (Yara Sardenberg) é uma garotinha rica. À procura de algum presente que ainda não tenha recebido, ela conhece o carente Urso Feliz (Carlos Viegas), o sabido Robô (Marcelo Klein) e outros tipos inventados pelo Criador de Brinquedos (Gabriel Titan). Entre as cenas que arrancam risos, sobressaem as palhaçadas da Bola Cansada (Daniele Falcone). Por outro lado, há coreografias tumul­tua­das, com muita gente no palco, além da trilha sonora de letras e arranjos óbvios. Direção do autor e de Carlos Arthur Thiré (60min). Livre. Estreou em 5/2/2011. Teatro Vannucci (400 lugares). Rua Marquês de São Vicente, 52 (Shopping da Gávea), Gávea, ☎ 2274-7246. → Sábado e domingo, 18h30. R$ 50,00 e R$ 20,00 (campanha Teatro para Todos). Bilheteria: 18h/22h (ter.); 14h30/22h (qua. a sex.); a partir das 14h30 (sáb. e dom.). IC. Estac. (R$ 6,00 por duas horas). Até 18 de dezembro.

✪✪✪ O MENINO DETRÁS DAS NUVENS, adaptação de Maria Clara Wermelinger. Baseada no livro homônimo de Carlos Augusto Nazareth, de 1997, a peça apresenta Zezinho (Wladimir Pinheiro), criança que sonha em conhecer o mundo. A perda de um amigo, porém, abala esse interesse. Apenas a chegada de um circo à cidade é capaz de resgatar sua alegria. Merece destaque a cenografia, simples, mas engenhosa, com adereços usados de maneira inusitada ? como guarda-chuvas que ora evocam o sol, ora um carrossel. Quatro atores completam o bom elenco, que canta e toca vários instrumentos. Direção da autora (50min). Livre. Estreou em 3/9/2011. Centro Cultural Justiça Federal (142 lugares). Avenida Rio Branco, 241, Centro, ☎ 3261-2550, ? Cinelândia. → Sábado e domingo, 16h. R$ 30,00. Bilheteria: 16h/19h (qua. a sex.); a partir das 15h (sáb. e dom.). Até domingo (4).

✪✪✪ O PATINHO FEIO, adaptação de Maria Clara Machado. Na versão da dramaturga para o clássico do dinamarquês Hans Christian Andersen, cenário e figurinos de Clivia Cohen merecem menção pelo capricho. No palco estão atores oriundos do Tablado, fundado por Maria Clara (1921-2001), como George Sauma (o protagonista), cujo desempenho sobressai pelas gags físicas que divertem as crianças. Trilha sonora do maestro John Neschling. Direção de Bernardo Jablonski (1952-2011) e Fabiana Valor (60min). Livre. Reestreou em 17/9/2011. Teatro dos Quatro (402 lugares). Rua Marquês de São Vicente, 52 (Shopping da Gávea), Gávea, ☎ 2540-6004. Sábado e domingo, 17h. R$ 50,00 e R$ 15,00 (campanha Teatro para Todos). Bilheteria: a partir das 14h (sáb. e dom.). IC. Estac. (R$ 6,00 por duas horas). Até 11 de dezembro.

✪ O REI LEÃO ? O REINO DE SIMBA, adaptação de Grazielle Menezes. Baseado na animação da Disney, o musical conta a história do leão Simba (Gabriel Valle no papel do filhote, e Vinicius Dall Olivo, como adulto). Acusado injustamente pela morte do pai, o rei Mufasa (também Dall Olivo), ele foge, deixando que seu tio, Scar (Guilherme Prates), assuma o trono. A montagem escorrega em vários quesitos ? dos figurinos mal-acabados à música dublada fora de sincronia. A semelhança com o desenho, porém, garante alguma empatia. Direção da autora (60min). Livre. Estreou em 1°/10/2011. Teatro Fashion Mall ? Sala 2 (250 lugares). Estrada da Gávea, 899, São Conrado, ☎ 2422-9800. → Sábado e domingo, 17h. R$ 40,00. Bilheteria: a partir das 15h (sáb. e dom.). Cc: M e V. Cd: M e V. Estac. (R$ 8,00 por duas horas). Até 18 de dezembro.

Fonte: VEJA RIO