EXPOSIÇÕES

Alexandre Mury

Nome em ascensão, o fluminense de São Fidélis reúne 39 trabalhos, a maioria evocando obras-primas de grandes expoentes da arte

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

AVALIAÇÃO ✪✪✪

recomenda-expos-abre.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Trata-se de um contrassenso: uma individual que exibe obras não de um, mas de dezenas de artistas. O aparente paradoxo é o mote de Fricções Históricas, exposição de Alexandre Mury na Caixa Cultural. Nome em ascensão, o fluminense de São Fidélis reúne aqui 39 trabalhos, a maioria evocando obras-primas de grandes expoentes da arte. O próprio Mury se insere em todas as criações, posando no lugar dos personagens originalmente retratados. Assim, assume as feições da mulher pintada por Da Vinci no quadro Mona Lisa, do Adão concebido por Michelangelo para o teto da Capela Sistina, do poeta de cabeça invertida imaginado por Chagall ou da mexicana Frida Kahlo em seus famosos autorretratos. Figuras icônicas, como Joana D?Arc e o faraó Tuntancâmon, também são interpretadas por ele. Brincando com questões de autoria e apropriação, o artista produz um efeito que transita entre o humor e a provocação.

Caixa Cultural ? Galeria 1. Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 2544-4080, ? Carioca. → Terça a domingo, 10h às 21h. Grátis. Até 8 de setembro.

Fonte: VEJA RIO