COTIDIANO

Fuja da ressaca

Nutricionista dá dicas para curtir a virada do ano sem sofrer com os efeitos da ressaca. Caso passe do ponto, também listamos receitas que ajudam a se livrar do mal-estar

Por: Ernesto Neves - Atualizado em

sucos.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

A noite de Réveillon é uma das mais esperadas no calendário de festas da cidade. Da Zona Norte à Zona Sul, os cariocas promovem grandes comemorações. Temos a maior queima de fogos do país, a de Copacabana, que reúne na praia quase 2 milhões de pessoas. Em quase todas as festas há farta oferta de champanhe, cerveja e muitos drinques. Para que o ano novo comece sem aquela ressaca basta tomar alguns cuidados que evitam a incômoda dor de cabeça e a sensação de enjoo. Mas, mesmo se você abusar do álcool durante a noite, dá para aliviar as consequências. Com a ajuda da nutricionista Joice Amaro da Costa, elaboramos algumas dicas para você.

Para evitar a ressaca:

- Nunca beba de estômago vazio. O álcool irrita a parede estomacal e pode provocar vômitos e, além disso, o estômago cheio retarda a absorção do álcool. "Pão branco, macarrão comum e açúcares refinados sobem bruscamente o nível de glicose, mas em pouco tempo essa taxa sofre uma queda brusca, causando fadiga ou cansaço. "Não valem alimentos fritos. Dê preferência aos alimentos cozidos, assados ou grelhados", diz Joice Amaro.

- Consuma azeite antes de beber. Por ser fonte de Omega 3, é um anti-inflamatório natural, que ajuda a proteger o fígado. Mas, caso seja ingerido puro, pode provocar enjoo. O melhor é comer uma salada de folhas verdes regada com azeite de oliva.

- Intercale a bebida alcoólica com copos de água. O álcool é diurético e deixa o corpo desidratado, o que piora a sensação de mal estar. Além disso, o fígado ganha mais tempo para processar o álcool.

- Sentiu que passou do ponto durante a festa? Comer um doce dá sensação de bem estar. Com o estoque de açúcar reforçado, o corpo pode trabalhar mais rápido para quebrar as moléculas de álcool. Mas, o melhor mesmo é oferecer líquidos para a pessoa se reidratar, principalmente água de coco e suco de frutas.

- Não misture. Bebidas fermentadas e destiladas têm tempo de absorção diferentes, o que pode sobrecarregar o fígado. E o gás carbônico presente na cerveja e no champanhe aumentam a taxa de absorção de álcool, que levam a uma sensação de embriaguez mais rápida.

salada.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Bebeu demais? Supere o exagero com receitas naturais

Mas nem sempre é possível evitar a ressaca. Caso você acorde com os sintomas do exagero, dá para minimizar o sofrimento com receitas simples e ingredientes naturais, que ajudam o corpo a se livrar do excesso de bebida alcoólica. Evite o consumo de sal e de alimentados enlatados, incluindo milho e palmito, por apresentarem grande quantidade da substância. Eles retêm líquidos e dificultam a eliminação das toxinas. Também corte do cardápio frituras, alimentos gordurosos e doces, que aumentam o trabalho do fígado.

Em caso de irritação estomacal intensa, com ocorrência de refluxo gástrico ou vômito, prefira sucos de frutas não ácidas, que repõe a glicose do organismo, como o melão, kiwi, pera e morango. Para cuidar do fígado, são indicados chás de hortelã, erva doce e boldo. "Consumir sucos verdes com folhas de couve, salsinha, hortelã ou sálvia, batidos com uma fruta durante o dia também ajudam bastante", explica a nutricionista. Ela dá ainda outra dica: para acabar com náuseas e vômito, mastigar um pedacinho de gengibre ou casquinhas de limão ou laranja são ótimos remédios naturais.

Veja aqui três receitas antirressaca para você começar 2012 mais leve e saudável

Fonte: VEJA RIO