DIVERSÃO

Jardim Botânico tem programação em homenagem ao Dia da Árvore

Parque promove atividades especiais para a data nesta sexta (20) e no sábado (21)

- Atualizado em

jb.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

O Jardim Botânico preparou uma programação cultural especialmente dedicada ao Dia da Árvore, comemorado neste sábado (21). As atividades acontecem nos dias 20 e 21 de setembro e, entre as ações, um sorteio elegerá ganhadores que plantarão mudas de espécies da flora brasileira no arboreto. Há ainda debate ao ar livre, exibição de filme, distribuição de mudas, trilha com os guias do Jardim e mais.

Confira alguns destaques da programação

Trilha das Árvores Nobres

Em um passeio educativo pelo arboreto, junto aos guias do Jardim Botânico, os participantes observam 27 espécies, das florestas atlântica e amazônica, aprendendo curiosidades sobre a seringueira, mogno, pau-brasil, sumaúma, entre outras.

Grupo sai do Centro de Visitantes nos dias 20 e 21, às 14h e às 15h30.

Exibição de A Árvore da Música seguida de debate

O premiado documentário A Árvore da Música, de Otávio Juliano, abre a discussão sobre a preservação ambiental através da estreita relação entre a natureza e a música. Após a sessão, pesquisadores do JBRJ debatem o filme, discorrendo sobre o histórico de desgastes ambientais no Brasil e estratégias de conservação.

A exibição e o debate acontecem no dia 20, às 14h30, no Museu do Meio Ambiente.

Debate ao ar livre

Em um encontro ao ar livre no Espaço de Clarice Lispector, pesquisadores conversam sobre aspectos relacionados ao tema árvores e ensinam aos visitantes os cuidados necessários para garantir a saúde das plantas.

Conversa acontece no Espaço de Clarice Lispector, no dia 20, às 16h.

No Dia da Árvore, visitantes poderão plantar mudas

No sábado (21), os visitantes que comprarem seus ingressos das 8h às 9h30 na bilheteria do Jardim recebem senhas para participar do sorteio, que acontece durante um passeio pelo arboreto junto à Equipe do Núcleo Educativo do Museu do Meio Ambiente. Os ganhadores terão a oportunidade de deixar sua marca em uma das mais amadas instituições históricas do país e recebem um certificado de plantadores, ficando nos registros do Jardim. Um segundo sorteio elege 30 participantes para receberem mudas de espécies nativas.

Os visitantes devem se reunir às 9h30 no ponto de encontro, localizado no Recanto das Mangueiras.

Fonte: VEJA RIO