EXPOSIÇÕES

À luz dos belos trópicos

Paisagens brasileiras inspiram pinturas do artista francês Jacques Stemer na ABL

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Francês nascido no Líbano, Jacques Stemer nutre particular encanto pela luminosidade dos trópicos. Sobre a luz natural do Brasil, país que já visitou diversas vezes, o artista declarou o seguinte: "Trata-se da quarta cor, além das três primárias, azul, vermelho e amarelo". Algumas das suas 21 obras reunidas na individual Dois e Muitos, aberta à visitação a partir de quarta (6) na Academia Brasileira de Letras, têm estreita relação com nossas terras. O Rio, sua cidade brasileira favorita, inspira criações como Ipanema para a Rua Vinicius de Moraes (2013), acrílica sobre papel com fragmentos de plástico, e A Doçura do Rio (2011), que mescla desenho e pintura com acrílica, também sobre papel.

Galeria Manuel Bandeira (Academia Brasileira de Letras). Avenida Presidente Wilson, 231, Castelo, Centro, ☎ 3974-2548. Segunda a sexta, 10h às 18h. Grátis. Até 23 de dezembro. A partir de quarta (6).

Fonte: VEJA RIO