DIVERSÃO

Intercâmbio musical

Algumas das melhores festas do país aterrissam no Rio de Janeiro, enquanto eventos que agitam as pistas cariocas vão para os mais diversos cantos do Brasil. Confira alguns deles

Por: Thaís Meinicke - Atualizado em

Como um dos principais polos culturais do país, Rio está sempre na mira dos produtores de eventos de todo o Brasil. Com isso, a cidade tem o privilégio de receber edições especiais de festas que fazem sucesso em diferentes estados e, algumas vezes, ainda entra para a agenda fixa dessas noitadas - como é o caso da Javali, que arrasta milhares de paulistanos para a pista de dança e, desde o ano passado, também anima os cariocas em edições regulares, sendo a próxima nesta sexta (23). Mas o Rio não fica atrás. As festas mais bombadas por aqui também ganharam o Brasil, com agenda em cidades como Brasília, São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba, Salvador e outras. Conheça alguns dos eventos responsáveis por promover um verdadeiro intercâmbio musical entre diferentes lugares do país.

aviao.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

JAVALI

Fernando Schlaepfer/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Com dois anos de existência, a festa Javali tornou-se referência em São Paulo. Sempre ao lado de um convidado, os residentes Adipe Neto e Julio Deluxe capricham na seleção de hits, que vão de Madonna a Marina Lima, passando por George Michael. O evento já arrastou cerca de 23.000 pessoas para a pista na capital paulistana e, na estreia carioca, em agosto do ano passado, foram mais de 900. O sucesso da primeira visita ao Rio animou seus produtores a promover edições regulares na cidade - a próxima está marcada para esta sexta (23), no Centro.

PUTZBRILHA

A festa de Uberlândia que tem como marca registrada as tintas de neon que colorem o público no escuro da pista de dança aposta em edições cariocas desde o ano passado, sempre lotando casas como Fosfobox, Espaço Rampa e La Paz. O repertório é eclético e inclui pop, indie, eletrônico, funk, dubstep, hip hop e música brasileira.

VOODOOHOP

A festa paulistana que surgiu com o objetivo de criar eventos artísticos atípicos e revitalizar áreas abandonadas faz sucesso entre o público alternativo da maior cidade do país. A fórmula inclui bandas, DJ's de estilos variados, VJ's, performances e live painting. Ampliando suas fronteiras, já realizou quatro edições em terras cariocas - duas no Vidigal, uma em Laranjeiras e uma na Lapa, no último dia 10.

PUSH!

Considerada uma das melhores festas de Minas Gerais, a Push! já levou para Belo Horizonte nomes como os norte-americanos Flo Rida, SKYBLU of LMFAO, Lil Jon e Shwayze. A proposta do evento é unir a música a áreas como design, esporte e arte. Criada em 2010, já teve três edições no Rio e duas em Búzios.

saem.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

DUO

duo.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Todos os domingos, a festa DUO ocupa a 00, na Gávea, ao som do melhor do house. Com música no deck e na pista, a festa começa às 17h e rola até as 5h da manhã. Os DJ's residentes Rafael Calvente e Dri Toscano recebem convidados a cada edição para manter a pista cheia até altas horas. No ano passado, a festa começou a se aventurar em terras mineiras, realizando edições de sucesso em Belo Horizonte.

BAILE DO ZEH PRETIM

A festa que surgiu despretensiosamente pela iniciativa de um grupo de amigos caiu no gosto dos cariocas com edições lotadas nas principais casas e eventos da cidade. Desde então, já ganhou o Brasil, animando o público de capitais como São Paulo, Belo Horizonte, Salvador, Curitiba e Porto Alegre, onde estreou no mês passado. O próximo baile acontece neste sábado (24), em Itaipava.

CHÁ DA ALICE

A festa inspirada no universo de Alice no País das Maravilhas surgiu acidentalmente, através da comemoração de aniversário de dois atores. Em cinco anos, conquistou os cariocas em edições temáticas e com a presença de artistas convidados. No repertório, muito pop e sucessos dos anos 90, como Ragatanga, do grupo Rouge, e Unicamente, de Deborah Blando. A boa aceitação no Rio fez com que os organizadores apostassem em edições em cidades como Brasília, Recife, São Paulo e Curitiba. Por aqui, a próxima acontece no dia 28 de junho, na Fundição Progresso, e terá show da cantora Valesca Popozuda.

RECALCADA

A festa surgiu em agosto de 2011 como uma ode à cultura dos subúrbios cariocas. Após várias edições mensais nas principais casas do circuito alternativo, a Recalcada conquistou seu espaço na noite da cidade e, desde o ano passado, aterrissa em Belo Horizonte e Curitiba, com o melhor do funk carioca e convidados especiais.

Fonte: VEJA RIO