EDIÇÃO DA SEMANA

Histórias Cariocas

Fatos e curiosidades sobre o Rio e seus habitantes

Por: Lula Branco Martins - Atualizado em

Memórias da cidade

historias-cariocas-02.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Alex Herzog profissionalizou-se como fotógrafo e depois virou chef de cozinha. Mas na infância era só ?o filho do dono da fábrica de motos?. Nos anos 60 foram sucesso no Rio as chamadas ?cinquentinhas? da Leonette (na foto, a linha de montagem da Rua Silva Vale, em Cavalcante). Seu pai, Leon, acabaria fechando os negócios em 1971, mas hoje Alex volta a se valer de motocas de 50 cilindradas: foi com uma scooter que rodou meia cidade na pesquisa de seu Guia de Bistrôs, a ser lançado no fim do mês, pela Mauad, com dicas sobre onde comer bem e barato. O modelo novo não o faz esquecer dos antigos. Ele ainda mantém três Leonettes na garagem ?? que não funcionam, vítimas das enchentes de 2010.

Repensando os objetos

historias-cariocas-04.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

O design está em alta no Rio: três eventos sobre a arte de dar forma a objetos de uso cotidiano vão acontecer nos próximos dias. Na quarta (21), tem início no Píer Mauá o Festival Internacional de Criatividade, cujo tema principal é Redesign e Transformação Urbana. No dia 29, não muito longe dali, no Museu de Arte Moderna, começa a Rio+Design, exibindo peças de materiais pouco convencionais, como a maçaneta de coco e a cadeira de escama de peixe. As obras abaixo, por sua vez, fazem parte da mostra Design de Favela, a partir de quinta (22) no Centro Carioca de Design, na Praça Tiradentes, reunindo 125 artistas anônimos.

Longa com dinheiro curto

historias-cariocas-03.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Quando o orçamento fica apertado, aí é que a criatividade tem de aparecer. Foi assim com Dia de Preto, filme de Marcos Felipe, Daniel Mattos e Marcial Renato, cuja pré-estreia está marcada para o feriado de terça-feira (20), Dia da Consciência Negra. Trata-se da história daquele que teria sido o primeiro escravo alforriado no Brasil, com algumas cenas rodadas na Taquara ?? e então, na falta de um riacho mais caudaloso para o protagonista se banhar, os produtores se valeram de uma espécie de poção que vem sendo formado pela água da chuva numa pedreira abandonada, perto da Estrada do Outeiro Santo. O esforço parece ter valido a pena: o longa já conquistou nove prêmios no Brasil e no exterior.

Experimente antes de comprar

historias-cariocas-01.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Sabe essas barracas de camping? Se quiser experimentar, pode dar uma dormidinha nelas. Esse é o conceito da rede francesa Decathlon, que abre sua filial no Rio na próxima quarta (28). Com 5?000 metros quadrados de área (a maior loja do ramo na América Latina), a grife encontrou na Barra o bairro ideal para se fixar na cidade. Na sede da Avenida das Américas haverá espaço para paredão de escalada, quadras de basquete, campinho society e pista de bike, entre outros mimos. A ideia é que o cliente pratique sua modalidade favorita, gratuitamente, e depois fique com vontade de comprar artigos esportivos ?? desde o mais simples par de tênis até um caiaque, passando por sofisticadas bicicletas e, notadamente, por itens para atividades de aventura. Também serão oferecidos serviços como estamparia de camisetas e encordoamento de raquetes de tênis.

Trilha sonora sob medida

historias-cariocas-05.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Você vai dar uma festa para amigos íntimos, uma dúzia de convidados. Que tipo de som botar para tocar? Não perca seu tempo pensando muito. Criada há seis anos, a Rádio Ibiza tem um aplicativo para iPhone que oferece, de forma randômica, milhares de músicas, com repertório adequado para cada tipo de evento. Na semana passada foi comemorada a marca de 100?000 downloads. Referência em playlists customizadas, o serviço já foi acionado por festeiros de 25 países. ?São 10?000 usuários por dia?, diz Pedro Salomão, um dos diretores. Além de montar trilhas para festas particulares, a empresa esteve presente, recentemente, em eventos como o Golf and Polo Day e a conferência Rio+20.

Fonte: VEJA RIO