EDIÇÃO DA SEMANA

Histórias Cariocas

Por: Lula Branco Martins - Atualizado em

Bananas para inglês ver

historias-cariocas-01.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Feitos de papel e bem coloridos, cachos como este, pendurado num poste do Parque do Penhasco Dois Irmãos, vão invadir a cidade de Londres durante a Olimpíada, que começa em 27 de julho. Criada pelo designer gráfico Breno Pineschi, a instalação é parte do projeto Rio Occupation London, da Secretaria de Estado de Cultura. A ideia é pendurar pencas de diversos tamanhos (algumas com vinte unidades, outras com quase 1 000) pelos museus da capital inglesa e também em lugares como as octogenárias cabines telefônicas vermelhas. Na verdade, qualquer superfície de metal está valendo, pois as ?frutas? são presas por ímãs. Além de Breno, outros 29 cariocas serão levados à Inglaterra para passar um mês em residência artística no Battersea Arts Centre.

Tijucanos arrependidos

historias-cariocas-05.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Espalhado por onze estados e também no Distrito Federal, o programa de emagrecimento Vigilantes do Peso, nascido nos Estados Unidos na década de 60 e já com 37 anos de Brasil, recentemente fez um levantamento e descobriu que é na Tijuca que estão os seus maiores fãs. À sede da Rua Conde de Bonfim comparecem, a cada semana, cerca de 800 gordinhos dispostos a perder os quilos adquiridos ao longo da vida, parte deles nos inúmeros rodízios e churrascarias do bairro. A filial do Tatuapé, em São Paulo, obteve o segundo lugar na pesquisa, com média de 700 associados nas reuniões semanais. Por aqui, seguindo os tijucanos de perto ficaram os niteroienses de Icaraí. Copacabana e Ipanema vêm bem depois nesse ranking.

Posto de gasolina verde

historias-cariocas-03.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

O Rio tem 5 600 pontos de abastecimento de combustível, mas só um se intitula posto ecoeficiente. É o da foto acima, aberto na terça-feira passada (26) na Avenida Epitácio Pessoa, na Lagoa. Amplo (700 metros quadrados) e bem arejado, em sua obra foi utilizado um quinto do concreto que se empregaria num posto tradicional. Além disso, as lâmpadas ficaram posicionadas em lugares absolutamente necessários para a atividade dos frentistas, gastando 35% menos energia em relação aos sistemas elétricos convencionais. Até a água da chuva será utilizada, para regar plantas e lavar vidro de carro. E uma boa promessa: a rede garante que essas novidades em nada influenciarão a política de preços da gasolina e do álcool.

Memória da cidade

historias-cariocas-04.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Esta foto, de 1938, mostra as casas geminadas da Vieira Souto, em Ipanema. A metade da esquerda, atualmente escondida por tapumes, já teve sua arquitetura original descaracterizada e deve dar lugar, em breve, a uma agência bancária. Na outra metade, desde janeiro vem fazendo sucesso um restaurante italiano classudo, com clientes como o ex-ministro Pedro Malan e o jogador Fred, do Flu. Há dez dias, os proprietários puseram no muro contíguo um pequeno aviso com dizeres delicados: ?Por favor, não colocar cartazes nem pichar?. Tem dado certo -- a fachada está branca como a neve. Em tempo: hoje restam apenas quatro casas nos 2,5 quilômetros de orla do bairro. O resto é tudo prédio.Cinco caminhos para a paz

historias-cariocas-02.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

O paladar é aguçado tomando-se um suco de abacaxi com limão e gengibre. Ao mesmo tempo, a audição pode ser estimulada com um fundo musical que remete ao bater das ondas na praia. O olfato, por sua vez, é o sentido que vem à tona na hora da terapia com essências de hortelã e de verbena. Assim é o método do Spa Donne, recém-inaugurado no Leblon, que tem como princípio para suas sessões de relax o estímulo aos cinco sentidos humanos. Em três semanas de funcionamento, já passaram por ali cerca de sessenta clientes, entre eles as atrizes Giovanna Antonelli e Christiane Alves. A paz só é interrompida pelo preço: a massagem com conchinhas do mar (que enfatiza o tato) está saindo por 115 reais.

Fonte: VEJA RIO