CARNAVAL

Escolha seu bloco

O carnaval de rua do Rio tem blocos para agradar aos mais diferentes estilos de foliões

Por: Thaís Meinicke - Atualizado em

O Carnaval de Rua do Rio é uma festa bem democrática, em que pessoas de diferentes lugares e com os mais variados gostos se encontram para festejar juntas atrás das centenas de blocos que se espalham pela a cidade. Só este ano, a Riotur autorizou o desfile de 457 agremiações e, entre elas, há opções para agradar aos mais diferentes tipos de foliões. A variedade atende desde os fãs de blocos mais tradicionais ao público que prefere a mistura de novos ritmos à festa. É possível encontrar blocos para quem quer curtir em família ou para quem espera aproveitar a folia para conhecer um novo amor. Até os hobbys têm vez, com opções para cinéfilos e amantes de videogames.

Confira abaixo algumas sugestões de blocos para quem...

Fotos: 1) e 3) Publius Vergilius/Riotur; 2) Pedro Kirilos/Riotur; 4) Fernando Maia/Riotur; 5) Alexandre Macieira/Riotur
(Foto: Redação Veja rio)

1) Cordão da Bola Preta: Fundado em 1918, é um dos mais tradicionais blocos da cidade e chega a arrastar até 2 milhões de pessoas pelas ruas do Centro.

Quando: 1º de março, 9h30.

Concentração: Avenida Rio Branco, esquina com a Avenida Presidente Vargas.

2) Simpatia é Quase Amor: O bloco, que comemora este ano 30 anos de sua fundação, desfila pela orla de Ipanema com samba em homenagem ao aniversário. O público esperado é de 120 mil foliões.

Quando: 22 de fevereiro e 2 de março.

Concentração: Praça General Osório

3) Escravos da Mauá: O bloco participa do Carnaval há mais de 20 anos com o objetivo de resgatar e valorizar a memória do local onde desembarcavam os escravos na região portuária da cidade. Ponto alto dos desfiles, este ano contará com a presença de 40 pernas de pau.

Quando: 23 de fevereiro.

Concentração: Largo São Francisco da Prainha, 13h.

4) Carmelitas: O tradicional bloco de Santa Teresa vai à rua duas vezes no Carnaval: na sexta-feira e na terça. Os desfiles são feitos em sentidos opostos, representando os percursos que as freiras fazem para fugir do convento e para voltar, após cair na folia durante os dias de festa.

Quando: 28 de fevereiro e 4 de março.

Concentração: Rua Almirante Alexandrino. Primeiro desfile, 15h, em frente ao CEAT; segundo, 10h, na esquina com a Rua Aarão Reis.

5) Suvaco do Cristo: Criado em 1985 por um grupo de amigos, o bloco cresceu e virou um dos mais famosos da Zona Sul. Já teve sambas assinados por Lenine, Nanico, Chacal, Janjão, Gallotti, entre outros.

Quando: 23 de fevereiro, 10h.

Concentração: Rua Jardim Botânico, esquina com Rua Faro

Fotos: 1) Alexandre Macieira/Riotur; 2) Reprodução Facebook; 3) Riotur
(Foto: Redação Veja rio)

1) Bloco Cru: O grupo atrai o público mais alternativo pelo fato de pular o Carnaval ao som de rock, que é misturado aos batuques de carnaval. Nas composições, músicas de Radiohead, Rolling Stones, Mutantes, Raimundos, Beatles, Rita Lee, The White Stripes, Queen, Prince e outros.

Quando: 3 de março, 17h.

Concentração: Praça XV.

2) Bloco pra Iaiá: O bloco, que faz sua estreia no Carnaval de rua com repertório composto exclusivamente por músicas do grupo Los Hermanos, promete agradar aos saudosos fãs da banda.

Quando: 22 de fevereiro, 15h.

Concentração: Praça Julio de Noronha, no canto do Leme.

3) Super Mário Bloco: Desde 2012, o bloco vai às ruas de Santa Teresa tocando músicas dos jogos de videogame em ritmo de Carnaval.

Quando: 5 de março

Concentração: Mirante Rato Molhado, na Rua Aprazível.

Fotos: 1) Alexandre Macieira/Riotur; 2) Raphael Braga; 3) Tjiago Maia; 4) e 5) Reprodução Facebook
(Foto: Redação Veja rio)

1) Gigantes da Lira: O bloco infantil mais tradicional da cidade reúne famílias inteiras que se divertem ao som das marchinhas em Laranjeiras. O público esperado é de 10 mil pessoas.

Quando: 23 de fevereiro, 10h.

Concentração: Praça Jardim Laranjeiras, na Rua General Glicério.

2) Largo do Machadinho, mas não Largo do Suquinho: a versão infantil do bloco Largo do Machado, mas não Largo do Copo, anima os pequenos foliões.

Quando: 3 de março, 10h.

Concentração: Largo do Machado.

3) Sá Pereira Infantil: Desde 1982, o bloco infantil leva as crianças às ruas do bairro de Botafogo.

Quando: 22 de fevereiro, 10h.

Concentração: Rua Capistrano de Abreu

4) Bloco da Pracinha: Bloco da Pracinha promove a folia infantil no Jardim Botânico.

Quando: 22 de fevereiro, 10h.

Concentração: Praça Pio XI

5) Mini Bloco: O bloco infantil da Pracinha Xavier de Britto, na Tijuca, anima a criançada em dois dias de folia.

Quando: 15 e 22 de fevereiro, 10h.

Concentração: Praça Xavier de Brito.

Fotos: 1) Thiago Maia/Riotur; 2) Reprodução Facebook; 3) Alexandre Macieira/Riotur
(Foto: Redação Veja rio)

1) Bloco da Preta: A cantora Preta Gil vai às ruas com seu trio para animar os fãs (a maioria composta pelo público LGBT) às vésperas do Carnaval. O bloco sai desde 2010 e, este ano, deve reunir cerca de 300 mil pessoas.

Quando: 23 de fevereiro, 15h.

Concentração: Avenida Rio Branco, esquina com Avenida Presidente Vargas.

2) Toco-Xona: O bloco comandado só por meninas sai desde o carnaval de 2005, reunindo um público animado e colorido em Botafogo. Este ano, o samba homenageará o cantor Freddie Mercury.

Quando: 1º de março.

Concentração: Praça Jóia Valansi, na Rua Muniz Barreto.

3) Banda de Ipanema: Um dos mais tradicionais blocos do Rio, a banda, que desfila desde 1965, arrasta um público diverso pela orla de Ipanema.

Quando: 15 de fevereiro, 1° e 4 de março, 17h30.

Concentração: Esquina da Rua Jangadeiros com a Rua Gomes Carneiro.

Fotos: 1) Fernando Maia/Riotur; 2) e 3) Reprodução Facebook
(Foto: Redação Veja rio)

1) Me Beija Que Sou Cineasta: Fundado em 2006 por cineastas e artistas pernambucanos, entre eles o cantor Otto, o bloco anima a Quarta-Feira de Cinzas na Gávea com a presença de famosos.

Quando: 5 de março, 10h.

Concentração: Praça Santos Dummont.

2) Cinebloco: O bloco anima os foliões em clima de fanfarra tocando músicas tema de grandes sucessos do cinema.

Quando: 3 de março, 19h.

Concentração: Praça Luiz de Camões, na Rua do Russel.

3) Quero Exibir meu Longa: Segundo os próprios organizadores, este é um "bloco carnavalesco de foliões cinéfilos e beberrões que se juntaram para exibir o longa no Carnaval".

Quando: 4 de março, 10h.

Concentração: Praça Gabriel Soares, na Tijuca.

Fotos: 1) e 2) Joana Coimbra/Riotur; 3) e 4) Fernando Maia/Riotur; 5) Reprodução Facebook
(Foto: Redação Veja rio)

1) Exalta Rei!: Fundado em 2008, o bloco sai ao som de inusitados arranjos para os maiores sucessos de Roberto Carlos e já teve a honra de ser saudado pelo próprio cantor durante um desfile pelas ruas da Urca.

Quando: 1º de março, 17h.

Concentração: Rua Araújo Porto Alegre, esquina com a Avenida Graça Aranha (MEC), no Centro.

2) Toca Rauuul: Os quinze componentes fazem releituras das músicas de Raul Seixas em diversos ritmos carnavalescos. O repertório atravessa todas as fases da carreira do cantor e a apresentação conta ainda com figurinos, cenografia, bonecos e efeitos visuais.

Quando: 2 de março, 16h.

Concentração: Praça Tiradentes, no Centro.

3) Sargento Pimenta: O bloco, que estreou nas ruas no Carnaval de 2011, mistura o som dos Beatles com os variados ritmos brasileiros, animando os fãs com grandes sucessos da banda.

Quando: 3 de março, 15h.

Concentração: Aterro do Flamengo, próximo ao Monumento dos Pracinhas.

4) Mulheres de Chico: Criado em 2006 por um grupo de amigas que queriam tocar as músicas de Chico Buarque, hoje, as 25 batiqueiras já animam cerca de 40 mil foliões a cada Carnaval.

Quando: 8 de março, 16h.

Concentração: Praia do Leme.

5) Thriller Elétrico: O Rei do Pop inspira o bloco, que traz o repertório do ídolo em ritmos brasileiros. Entre os sucessos, estão hits como Billie Jean, Thriller, e They Don?t Really Care About Us, que ganham versões de samba, funk, marchinha, entre outros ritmos.

Quando: 2 de março, 10h.

Concentração: Praça Barão de Drummond, em Vila Isabel.

Fotos: 1) e 3) Fernando Maia/Riotur; 2) Alexandre Macieira/Riotur; 4) Joana Coimbra/Riotur; 5) Reprodução Facebook
(Foto: Redação Veja rio)

1) Imaginô? Agora Amassa!: Com a expectativa de reunir 15 mil pessoas no bairro do Leblon, o bloco, criado em 2003, tem a paquera como ponto alto para os foliões no pré-carnaval.

Quando: 22 de fevereiro, 10h.

Concentração: Rua José Linhares, esquina com a Rua Conde de Bernadote.

2) Spanta Neném: Com ensaios lotados e com altos preços na Lagoa, o bloco reúne cerca de 10 mil foliões na Lagoa, que aproveitam no mesmo clima da festa fechada.

Quando: 15 de fevereiro, 12h.

Concentração: Parque do Corte de Cantagalo

3) Azeitona sem Caroço: O tradicional bloco do Leblon vai às ruas desde 1999, animando cerca de 15 mil foliões a cada desfile.

Quando: 1º de março, 11h.

Concentração: Rua Dias Ferreira, entre as ruas Bartolomeu Mitre e General Urquiza.

4) Areia: Formado por um grupo de amigos que jogavam vôlei de praia juntos, o bloco não demorou a cair no gosto dos jovens do Leblon, que aproveitam o desfile no domingo de Carnaval.

Quando: 2 de março, 10h.

Concentração: Rua Dias Ferreira, esquina com a Rua General Urquiza.

5) A Rocha: Formado em 2003, o bloco anima a terça-feira de Carnaval com gente bonita em clima de paquera.

Quando: 4 de março, 9h.

Concentração: Praça Santos Dummont

Fotos: 1) Publius Vergilius; 2) Raphael Braga; 3) e 4) Reprodução Facebook
(Foto: Redação Veja rio)

1) Rio Maracatu: o grupo surgiu em 1997, com a união de músicos pernambucanos e cariocas, com a intenção de resgatar e valorizar a cultura musical brasileira através de um intercâmbio com importantes mestres de Maracatu do Recife, transmitidos em cantos e danças tradicionais do país.

Quando: 4 de março, 10h.

Concentração: Avenida Vieira Souto, em frente ao Posto 8.

2) Chora, me Liga: Comandado pela dupla João Lucas & Matheus, o bloco sertanejo anima o público amante do ritmo em São Conrado.

Quando: 23 de fevereiro, 13h.

Concentração: Avenida Prefeito Mendes de Moraes, esquina com a Rua Herbert Moses.

3) Fica Comigo: o bloco com repertório exclusivamente dedicado aos pagodes antigos toca músicas dos grupos Raça Negra, Só Pra Contrariar, Katinguelê e outros.

Quando: 3 de março, 14h.

Concentração: Av. Lucio Costa, em frente à Rua Erico Veríssimo.

4) Bloco da Favorita: Dedicado aos sucessos do funk, o bloco anima os foliões que preferem dançar até o chão em São Conrado.

Quando: 1º de março, 11h.

Concentração: Avenida Prefeito Mendes de Moraes, esquina com a Rua Herbert Moses.

Fotos: 1) Alexandre Macieira/Riotur; 2) Paulo Mumia; 3) Reprodução site do bloco; 4) Fernando Maia/Riotur
(Foto: Redação Veja rio)

1) Monobloco: Consagrado por incorporar diversos ritmos e estilos musicais à batida do samba, o bloco está entre os grupos brasileiros que contabilizam mais apresentações durante o ano todo. O repertório eclético inclui sucessos de Alceu Valença, Luiz Gonzaga, Paralamas do Sucesso, Tim Maia, Jorge Ben e outros.

Quando: 9 de março, 9h.

Concentração: Avenida Rio Branco, esquina com a Avenida Presidente Vargas.

2) Bangalafumenga: Fundado no verão de 1998 pelo músico Rodrigo Maranhão, o bloco anima os foliões com canções próprias, compositores da nova safra, além de clássicos da música brasileira, como Gilberto Gil, Lenine, Alceu Valença, entre outros.

Quando: 2 de março, 10h.

Concentração: Aterro do Flamengo, próximo ao Monumento dos Pracinhas.

3) Bloco Brasil: O bloco propõe uma mistura cultural brasileira através da música e tem em seu repertório sucessos de artistas de diferentes ritmos.

Quando: 22 de fevereiro, 18h.

Concentração: Praça Almirante Julio de Noronha, no Leme.

4) AfroReggae: Com repertório dançante, que vai desde os hits dos anos 80 aos hits atuais, o bloco do projeto de Vigário Geral toca músicas de Seu Jorge, Jorge Ben, Tim Maia, Ivete Sangalo, Ed Motta e outros, sempre no ritmo de carnaval.

Quando: 3 de março, 10h.

Concentração: Avenida Rio Branco, esquina com a Avenida Presidente Vargas.

Fotos: 1) e 2) Fernando Maia/Riotur; 3) Reprodução Facebook
(Foto: Redação Veja rio)

1) Fogo e Paixão: Formado por 70 batuqueiros, o bloco brega leva alegria aos foliões ao som de ícones como Wando, Reginaldo Rossi, Rosana, Sidney Magal e outros artistas. O figurido deve seguir a mesma linha e ser o mais colorido e extravagante possível.

Quando: 23 de fevereiro, 10h.

Concentração: Largo São Francisco de Paula.

2) Desliga da Justiça: Com a proposta de abrir o carnaval de rua da cidade de forma descontraída e com muita alegria, o bloco adotou as fantasias de super-heróis como tema e, no dia do desfile, batuqueiros e foliões saem assim.

Quando: 15 de fevereiro, 10h.

Concentração: Praça Santos Dummont.

3) Estratégia: No show do bloco, criado para tocar sucessos da música preta brasileira com hits dos anos 70, todos os integrantes tocam fantasiados com peruca black power e o público também é convidado a entrar no estilo.

Quando: 17 de fevereiro, 20h.

Concentração: Rua do Lavradio, na Lapa.

Fonte: VEJA RIO