DIVERSÃO

É de graça

Confira 33 atrações gratuitas para curtir o fim de semana

- Atualizado em

SHOWS

Verão TIM Recarregue-se

A operadora promove programação cultural gratuita nas areias cariocas, incluindo shows. No sábado (1º), João Bosco (Praia de Copacabana), Fernanda Abreu e Donatinho (Praia de Ipanema), DJ Marcelinho da Lua e Marlon Sette (Posto 11, Leblon) e Arlindo Neto (Praia da Barra) se apresentam em quatro palcos pela orla. Livre.

Praia de Copacabana. Posto 4 (altura da Rua Constante Ramos). Praia de Ipanema (altura da Rua Vinicius de Moraes). Praia do Leblon (altura da Rua Almirante Guilhem). Praia da Barra (em frente à Praça do Ó). Sábado (1º), 18h. Grátis.

mariana-vianna.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

TEATRO

O Sentido da Vida

Composto de palhaços que se apresentam em hospitais públicos do Rio, o grupo Roda Gigante apresenta este musical, que propõe reflexões sobre o sentido da vida. O repertório contempla canções como Dor de Catuvelo, de Adoniran Barbosa, Doutores do Rio, paródia de Menino do Rio, de Caetano Veloso. Direção de Flávia Reis (60min). Livre.

Teatro Eva Herz (184 lugares). Rua Senador Dantas, 45 (Livraria Cultura Cine Vitória), Centro,?☎ 3916-2600,

? Cinelândia. Sexta (31), 19h30. Grátis. Distribuição de senhas uma hora antes do espetáculo.

CARNAVAL

Cordão do Bola Preta

O mais antigo bloco do Carnaval de rua do Rio abre os trabalhos da folia deste ano na Cidade das Artes. Comandado pelo Maestro Quintanilha, o baile, gratuito, será recheado de clássicos carnavalescos, além de choros e sambas de Pixinguinha e Ataulfo Alves, entre outros.

Cidade das Artes ? Jardins. Avenida das Américas, 5300, Barra da Tijuca, ☎ 3325-0102. Sábado (1º), 18h. Grátis.

ESPECIAL

Feira Rio Antigo

A feira reúne 400 expositores que vendem peças de artesanato. A segunda edição contará ainda com show do grupo Luminosidade e participação da musa da Lapa, Daiane Machado, eleita em um concurso realizado pela Escola de Samba Caprichosos de Pilares.

Rua do Lavradio, entre as avenidas Mem de Sá e Visconde de Rio Branco. Sábado (1º), 10h às 19h. Grátis.

CRIANÇAS

Bonecos no Parque

Marionetes, palhaços e outras figuras recorrentes em espetáculos infantis estão na programação do festival, que leva 36 companhias de teatro ao Aterro do Flamengo até outubro. No próximo fim de semana, a criançada confere Embarcando na Arca: Retalhos de Noé e os Bichos, baseado na história bíblica e encenado pelo Grupo Costurando Histórias (50min). Rec. a partir de 4 anos.

Teatro Municipal de Marionetes Carlos Werneck de Carvalho (300 lugares). Parque do Flamengo (altura do nº 300 da Praia do Flamengo), ☎ 2273-1497. Sábado (1º) e domingo (2), 11h. Grátis. Até 26 de outubro. Confira a programação completa em abr.ai/bonecos-no-parque.

Carnaval na Cidade das Artes

Os pequenos foliões aprendem sobre a origem do carnaval na cidade através da leitura de Viva o Zé Pereira!, da diretora Karen Acioly. Além disso, a contadora de histórias Gabriela Torres comanda uma divertida oficina de máscaras. Rec. a partir de 4 anos.

Cidade das Artes ? Sala de Leitura (100 lugares). Avenida das Américas, 5300, Barra da Tijuca, ☎ 3325-0102. Sábado (1º), 16h/18h. Grátis.

Troca de Plantão

Formada por palhaços que costumam se apresentar em hospitais públicos do Rio, a trupe Roda Gigante brinca com situações típicas da rotina hospitalar neste espetáculo, valendo-se de muita música ao vivo, improvisos e interação com a plateia. Direção de Flávia Reis (60min). Rec. a partir de 3 anos.

Teatro Eva Herz (184 lugares). Rua Senador Dantas, 45 (Livraria Cultura), Cinelândia, ☎ 3916-2600. Sábado (1º), 11h. Grátis. Distribuição de senhas uma hora antes do espetáculo.

Troca-Troca de Livros

O projeto incentiva a troca de livros entre crianças, jovens e adultos. Na lista de obras infantis há títulos internacionais e nacionais de ficção, crônicas, biografias e comédias. Para participar, basta levar exemplares em bom estado de conservação. Não são aceitas obras didáticas nem técnicas. Cada leitor pode fazer duas trocas por vez. Imperator ? Centro Cultural João Nogueira. Rua Dias da Cruz, 170, Méier, ☎ 2596-1090. Aos domingos, 10h/14h. Grátis.

Eco Alegria da Turma da Mônica

De forma divertida, o evento traz um circuito com seis atividades nas quais os pequenos aprendem brincando como o ?despoluidor?, uma máquina, criada pelo Franjinha, que despolui o rio com seus braços mecânicos articulados, também aprendem a proteger os ?animais em perigo? interagindo com espécies em extinção. As crianças podem gastar energia com o ?força no pedal?, no qual utilizam pedais e, com auxílio das mãos ou dos pés, acionam uma máquina que faz coisas incríveis. Além disso, a ?baleia rolinhos? permite que as crianças façam escalada e escorreguem. Podem aprender também com o ?Jogando contra a Sujeira?, no qual terão a missão de salvar o planeta dos perigos da chuva ácida e combater o Capitão Feio. O circuito se completa com o ?bola ao cesto reciclável? no qual ganha mais pontos quem descartar o lixo de maneira correta nas áreas de recicláveis.

West Shopping. Estrada do Mendanha, 555, Campo Grande. Sábado, 10h às 22h; domingo a quinta, 13h às 21h. Até 2 de fevereiro. Grátis.

Laboratório do Rock

O Laboratório do Rock, que acontece na Praça de Eventos, entre os dias 16 de janeiro e 2 de fevereiro, traz uma programação variada e interativa para crianças de 3 a 12 anos. O ambiente conta com diversas atrações. No Playground do Rock haverá Playstation´s com os games Guitar Hero e Rock Band e jogos musicais educativos estarão disponíveis para os que queiram sentir a experiência do que é ser uma verdadeira estrela do Rock. Serão desenvolvidas ainda duas oficinas: a de Palhetas, em que será possível customizar a própria palheta com cores e formatos diversos ou transformá-la em cordão; e a de Mini-Tattoos, onde a garotada escolhe um modelo de tatuagem que será aplicado com tinta atóxica sobre a pele. O público também poderá experimentar fantasias, maquiagens, acessórios e, após a transformação, registrar o momento no estúdio fotográfico Rock Stars.

Shopping Rio Sul. Rua Lauro Müller, 116, Botafogo, praça de eventos, 1º piso. Segunda a sábado, 11h às 21h; domingo, 14h às 20h. Até 2 de fevereiro.

Vila dos Smurfs

O shopping oferecerá um espaço temático gratuito com cenografia baseada na Vila dos Smurfs, onde crianças de 3 a 12 anos poderão brincar com recreadores vestidos como os personagens. São cinco atividades diferentes, como pintura, playground e horta, em meio a cogumelos e árvores gigantes.

Note Shopping. Avenida Dom Hélder Câmara, 5474, Cachambi, Praça de Eventos, 1º piso. Diariamente, 12h às 20h. Até 10 de fevereiro.

Frozen - Uma Aventura Congelante

O mall apresenta, até o dia 2 de fevereiro, um espaço temático inspirado no filme Frozen - Uma Aventura congelante, a nova animação da Disney. O circuito montado se inicia com o jogo Disney Infinity e o toy box de Frozen, onde as crianças poderão jogar como as personagens Anna e Elsa. Em seguida, irão se divertir na piscina de bolinhas do Olaf e na mesa de desenhos e jogos, com brinquedos temáticos. Para finalizar, um escorregador congelado e um labirinto de gelo fecham a atração. O espaço conta ainda com um cenário para os que os pequenos sejam fotografados ao lado dos personagens. A participação é realizada através de inscrições no local do evento, no 1º piso. A faixa etária para participar é de 3 a 12 anos.

Via Parque. Avenida Ayrton Senna, 3000, Barra da Tijuca. Domingo a sexta, 13h às 21h; sábado, 11h às 22h. Até 2 de fevereiro.

Teatrinho infantil

No mês de férias da garotada, o Recreio Shopping oferece uma temporada de peças infantis gratuitas para elas. A Praça de Eventos é palco para as apresentações e interação com os personagens, que vão divertir os pequenos com uma programação completa de sexta a domingo. A faixa etária é livre. Neste fim de semana, serão apresentadas as peças O Sonho de Sofia, O Folclore O Musical da Floresta e O Soldadinho e a Bailarina.

Recreio Shopping. Avenida das Américas, 19019, Recreio dos Bandeirantes. Sexta a domingo, 17h. Até 2 de fevereiro.

O Mundo dos Dinossauros

Para animar a temporada de férias da garotada, o shopping aposta no universo dos grandiosos animais pré-históricos com a exposição O Mundo dos Dinossauros. Os clientes poderão conferir de perto, gratuitamente, 20 réplicas de feras - alguns com até 6 metros de altura - como o Tiranossauro Rex, o Pterosaurus e o Allosaurus, além de reproduções de fósseis e ovos de dinossauros. Na área externa, próximo à Avenida das Américas, os visitantes serão surpreendidos por um imenso Apatosaurus de 8 metros de altura e 22 metros de comprimento, o maior da exposição. Para completar as opções de entretenimento, a exposição terá um mini cinema 7D com capacidade para receber nove pessoas por exibição (ingressos a R$ 10). Com efeitos que simulam jatos de água, vento e cadeiras que se mexem, os filmes mostrarão a vida dos dinossauros de forma divertida e educativa. Além disso, haverá uma loja de produtos temáticos.

BarraShopping. Avenida das Américas, 4666, Barra da Tijuca. Segunda a sábado, 10h às 22h; domingos e feriados, 13h às 21h. Até 9 de fevereiro.

Aladim e a Lâmpada Maravilhosa

A história se passa em torno do aventureiro Aladim e da bela princesa Jasmine. O pai da jovem quer que ela se case de qualquer jeito, mas a princesa se recusa a aceitar essa condição e sai em busca de um amor verdadeiro. Até que encontra Aladim, que se apaixona por ela e passam a viver muitas aventuras e descobertas.

Bangu Shopping. Rua Fonseca, 240, Bangu. ☎ 2430-5130. Domingo (2), 17h. Grátis.

Contos Fadados

Com texto e direção de Breno Sanches, a montagem do grupo Milongas é inspirada em jogos de mesa tipo Detetive ou Scotland Yard, em que os atores são as peças do tabuleiro e os jogadores são os próprios espectadores, com um final sempre surpreendente. A apresentação começa em clima de suspense, com o mistério ?Quem roubou o livro do autor no mundo dos contos e está destruindo as histórias tradicionais?? Os suspeitos são os personagens excluídos destes contos: Rogério Luiz, o quarto porquinho; Chato, o oitavo anão; e Isabela, a irmã da Chapeuzinho Vermelho, papeis que os atores descobrem, através de sorteio feito em cena, quem irá interpretá-los naquele dia. Ao final, através das pistas deixadas pelos suspeitos, a plateia vai poder dizer quem roubou o livro. Com essa dinâmica interativa é possível conferir sempre um espetáculo diferente, tanto no desenrolar da história quanto no desfecho.

Arena Carioca Dicró. Parque Ary Barroso, Penha. ☎ 7951-0203. Domingo, 16h. Até 23 de fevereiro. Grátis.

fadados.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Justin e A Espada da Coragem

O Rio Design Barra promove o evento inspirado no filme de mesmo nome, previsto para chegar aos cinemas no dia 21 de fevereiro. As aventuras de um corajoso jovem que decide tornar-se cavaleiro viraram divertidas atrações que prometem animar pequenos e adultos. Na Praça Central, foi erguido um cenário medieval com cinco atividades para crianças a partir de 3 anos. Tiro ao alvo, arco e flecha e escalada são algumas das aventuras disponíveis para toda a família. As atrações do evento são acompanhadas por monitores especializados e devem ser agendadas previamente no concierge no próprio dia.

Rio Design Barra. Avenida das Américas, 7777, Praça Central, Barra da Tijuca. ☎ 2430-3024. Domingo a sexta, 15h às 20h; sábado, das 11h às 21h. Até 23 de fevereiro. Grátis.

CONCERTOS

Adriana Kellner

Natural de Niterói, a pianista interpreta peças de Guerra-Peixe, Villa-Lobos, Ernesto Nazareth e Chopin.

Museu de Arte Moderna (200 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2240-4944. Domingo (2), 11h30. Grátis.

EXPOSIÇÕES

Tomie Ohtake - Correspondências

Completado em novembro, o centenário de Tomie Ohtake tem justificado uma série de merecidas homenagens - algumas em forma de exposição da renomada artista japonesa, radicada no Brasil desde os anos 30. Por aqui, além de ter uma individual em cartaz até domingo (2) no Museu de Arte do Rio, ela é a estrela de uma bem pensada coletiva que ocupa três salas do Centro Cultural Correios. Com curadoria de Agnaldo Farias e Paulo Miyada, reúne 28 trabalhos produzidos desde 1956. A diferença com relação à mostra do MAR é que suas criações se misturam a 56 obras de outros importantes nomes da arte moderna, como Alfredo Volpi, e da cena contemporânea, a exemplo de Leda Catunda, Waltercio Caldas e Carmela Gross, promovendo um diálogo por vezes insuspeito entre elas. Os trabalhos estão agrupados em função de similaridades estéticas. Um dos possíveis paralelos é o estabelecido entre uma tela de Tomie produzida em 1992 (sem título, característica comum em sua obra ao longo de seis décadas de carreira), com um círculo que evoca uma paisagem cósmica, e a pintura Épuras Absurdas 2B (1991), de Cildo Meireles, de tons semelhantes e também marcada por linhas curvas.

Centro Cultural Correios. Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro, ☎ 2253-1580. Terça a domingo, 12h às 19h. Grátis. Até 9 de fevereiro.

Arroz sem Sal

Em uma passagem do ensaio Tristes Trópicos, uma de suas obras mais importantes, o antropólogo Claude Lévi-Strauss descreve o processo de ocupação do interior paulista na virada do século XIX para o XX. Segundo o autor francês, localidades mais distantes dos grandes centros ou não tão prósperas costumavam ganhar alcunhas relacionadas justamente a essa situação de desamparo. Citado por Lévi-Strauss, um desses nomes, Arroz sem Sal, foi escolhido para batizar a 11ª edição da Exposição de Verão, coletiva que, anualmente, marca o início da temporada da Galeria Silvia Cintra + Box 4. Com abertura programada para quarta (29), a mostra reúne doze trabalhos de artistas consagrados e também de nomes em ascensão na cena contemporânea. De acordo com a curadora Kiki Mazzucchelli, a seleção tem como fio condutor o desgaste dos valores humanistas no mundo. Um dos destaques do acervo é a serigrafia e acrílica sobre compensado de madeira Rio de Janeiro Noturno com Filtro, de Laercio Redondo. A partir de duas paisagens pintadas por Jean-Baptiste Debret no século XIX, o artista criou um trabalho único, em tons vermelhos ? um paralelo entre a situação atual de violência no Rio contra as classes mais pobres e as agressões dos tempos coloniais a esse mesmo grupo. Cildo Meireles, Ivens Machado, Alexandre da Cunha, Manuela Ribadeneira, Mayana Redin, Pia Camil e Samara Scott completam o time de artistas. R$ 3?000,00 a R$ 60?000,00.

Galeria Silvia Cintra + Box 4. Rua das Acácias, 104, Gávea, ☎ 2521-0426. Segunda a sexta, 10h às 19h; sábado, 12h às 19h. Grátis. Até 28 de fevereiro. A partir de quarta (29).

João Machado

Primeira grande individual brasileira do artista plástico carioca, radicado em Paris até o ano passado, Atlas reúne vinte trabalhos dele produzidos entre 2008 e 2013. Integram a seleção esculturas, desenhos, gravuras, fotografias e uma videoinstalação.

Caixa Cultural ? Galeria 1. Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 3980-3815, Carioca. Terça a domingo, 10h às 21h. Grátis. Até 9 de março. A partir de terça (28).

Juntos, Apolo e Dionísio

Com curadoria de Ligia Canongia, a coletiva expõe quinze trabalhos, entre esculturas, pinturas e fotografias de onze artistas. Há nomes consagrados como Angelo Venosa, Antonio Dias e Daniel Senise. R$ 7?000,00 a R$ 50?000,00.

Galeria Laura Marsiaj. Rua Teixeira de Melo, 31-C, Ipanema, ☎ 2513-2074. Terça a sexta, 10h às 19h; sábado, 11h às 16h. Grátis. Até 13 de março. A partir de quarta (29).

Lippe Muniz

História da Melancolia é o nome da individual do jovem artista plástico, que apresenta cinquenta obras produzidas desde 2010, cuja temática é a condição humana. Pinturas, fotografias, objetos e uma instalação estão no acervo. R$ 2?000,00 a R$ 20?000,00.

Graphos: Brasil. Rua Siqueira Campos, 143 (Shopping dos Antiquários), sobreloja 11, Copacabana, ☎ 2256-3268 e 2255-8283. Segunda a sexta, 11h às 19h; sábado, 11h às 18h. Grátis. Até 1º de março.

A partir de quarta (29).

Lucio Salvatore

Italiano radicado no Rio, o artista plástico exibe em Projeto de Redução Espacial onze telas e oito fotografias que propõem uma reflexão sobre os paradoxos da sustentabilidade.

Centro Cultural Correios. Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro, ☎ 2253-1580. Terça a domingo, 12h às 19h. Grátis. Até 16 de março. A partir de quinta (30).

Luiz Eugênio Teixeira Leite

Em O Rio que o Rio Não Vê, o fotógrafo, designer gráfico e historiador expõe 36 imagens de ornamentos simbólicos das fachadas de instituições públicas e privadas do centro do Rio.

Centro Cultural Correios. Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro, ☎ 2253-1580. Terça a domingo, 12h às 19h. Grátis. Até 26 de março. A partir de quinta (30).

✪✪✪ Afonso Tostes

O artista mineiro reconstrói, no salão principal da Casa França-Brasil, um enorme paiol que encontrou desmontado na Zona da Mata, em seu estado natal. Ferramentas utilizadas no espaço tiveram o cabo esculpido, em forma de osso, e também são exibidas em uma instalação. Completam o acervo uma escultura e um site-specific.

Casa França-Brasil. Rua Visconde de Itaboraí, 78, Centro, ☎ 2332-5120. Terça a domingo, 10h às 20h. Grátis. Até 9 de fevereiro.

Calixto Cordeiro

Quarenta obras do caricaturista integram a mostra Calixto Cordeiro: uma Trajetória ? Revista D. Quixote (1917-1927), composta, em sua maioria, de trabalhos da época em que o artista trabalhou para o semanário carioca lançado em 1917. Ao mesmo tempo, entra em cartaz no MNBA J. Carlos: 130 Anos, homenagem ao também caricaturista. Nela estarão presentes, entre originais e reproduções, cerca de quarenta obras feitas para revistas como Careta, Para Todos, O Cruzeiro e Fo¬n-Fon. Ambas as exposições integram a 1ª Bienal Internacional da Caricatura.

Museu Nacional de Belas Artes. Avenida Rio Branco, 199, Centro, ☎ 3299-0600, Cinelândia. Terça a sexta, 10h às 18h; sábado, domingo e feriados, 12h às 17h. Grátis. Até 9 de março.

✪✪✪ Cavalcante

Primeira retrospectiva do caricaturista, a mostra reúne 114 trabalhos do carioca de 50 anos, produzidos ao longo de mais de 25 anos de uma sólida carreira. Entre as personalidades retratadas em seu inconfundível traço estão Vinicius de Moraes, Nelson Cavaquinho, Cartola, Romário, Dilma Rousseff, Hugo Chávez e Manuel Bandeira. Além das caricaturas, há ilustrações em nanquim, esboços inéditos, objetos-esculturas produzidos pelo próprio artista (que, segundo ele, lhe servem de inspiração para desenhar) e sete telas.

Museu Nacional de Belas Artes. Avenida Rio Branco, 199, Centro, ☎ 3299-0600, Cinelândia. Terça a sexta, 10h às 18h; sábado, domingo e feriados, 12h às 17h. Grátis. Até 9 de março.

Evandro Teixeira

Em Tempos de Chumbo, Tempos de Bossa: os Anos 60 pelas Lentes de Evandro Teixeira, o fotógrafo apresenta dezessete imagens da juventude daquela década, além de registros sobre a ditadura militar.

Centro Cultural Justiça Federal. Avenida Rio Branco, 241, Centro, ☎ 3261-2550, Cinelândia. Terça a domingo, 12h às 19h. Grátis. Até 27 de fevereiro.

✪✪✪ Floriano Romano

Conhecido por combinar instalações, performances e sons, o artista exibe oito obras sonoras, sete delas inéditas, e uma seleção de desenhos feitos com fita isolante sobre papel, reunidas na mostra Sonar.

Galeria Laura Alvim. Avenida Vieira Souto, 176, Ipanema, ☎ 2332-2017. Terça a domingo, 13h às 21h. Grátis. Até 9 de março.

Nuno Ramos

Intitulada Hora da Razão, a nova instalação do artista é composta de três estruturas de vidro que representam lápides, cobertas por um material viscoso semelhante a piche, que parece escorrer também sobre o piso da galeria. Dentro dessas formas geométricas vazadas, monitores de vídeo apresentam o músico Rômulo Fróes, o artista plástico Paulo Climachauska e a cantora Nina Becker entoando o samba Hora da Razão, de Batatinha (1924-1997). Completam a obra, em seu entorno, 78 desenhos inéditos da série Munch, criados com folhas de ouro, prata e bronze, tinta a óleo e carvão sobre papel, inspirados no pintor norueguês Edvard Munch.

Caixa Cultural ? Galeria 4. Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 3980-3815, Carioca. Terça a domingo, 10h às 21h. Grátis. Até 9 de março.

✪✪✪ Walter Firmo

Modesta no tamanho, mas não na qualidade, Brasil em Preto e Branco ? Walter Firmo reúne onze belas fotografias do carioca feitas a partir de 1940, mais uma série delas projetadas em dois monitores, além de um vídeo. Entre as atrações, há uma imagem do ex-jogador Bellini entrando em campo pelo Vasco da Gama no fim da década de 50. Curadoria de Milton Montenegro.

Oi Futuro Ipanema. Rua Visconde de Pirajá, 54, Ipanema, ☎ 3131-9333, General Osório. Terça a domingo, 13h às 21h. Grátis. Até 2 de março.

✪✪✪✪ Wilma Martins

Cotidiano e Sonho é o nome da retrospectiva da artista mineira radicada no Rio. O acervo, de cerca de 140 obras, reúne pinturas, gravuras, desenhos, aquarelas, livros e documentos. Chamam atenção as criações da série Cotidiano, nas quais animais invadem singelos espaços domésticos e paisagens naturais amplas se insinuam em espaços como gavetas e camas. O programa no Paço conta com mais cinco individuais: de Mariana Manhães, Willys de Castro, Sergio Camargo, Vicente de Mello e Rogerio Luz.

Paço Imperial. Praça XV de Novembro, 48, Centro, ☎ 2215-2093. Terça a domingo, 12h às 18h. Grátis. Até 16 de fevereiro.

Fonte: VEJA RIO