DIVERSÃO

Duas mostras de cinema estreiam em espaços culturais no Centro do Rio

CCBB e CCJF promovem programação com exibição de filmes sobre surrealismo e maconha, respectivamente

- Atualizado em

bicho-7-cabecas.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Esta semana, duas mostras de cinema estreiam na cidade para agitar a programação dos amantes da sétima arte. A partir desta terça (22), o Centro Cultural da Justiça Federal apresenta a mostra As Histórias da Cannabis em Filmes e Debates. O evento, que fica em cartaz até o dia 27 de julho, tem por objetivo discutir a questão da descriminalização e legalização das drogas no Brasil e no mundo. Serão exibidos filmes brasileiros, americanos, canadenses e ingleses, produzidos de 1936 a 2013, de curta e longa-metragem, com temáticas variadas. Após as últimas sessões, haverá debates com ativistas, pesquisadores, juristas, políticos e diretores. Entre os nomes confirmados estão o deputado federal Jean Wyllys, o deputado estadual Carlos Minc e o vereador Renato Cinco. As sessões custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Clique para ver a programação completa.

maya-deren.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Já na quarta (23), é a vez do Centro Cultural Banco do Brasil estrear a mostra Surrealismo e Vanguarda. Com programação até 11 de agosto, serão exibidos mais de 50 títulos, entre curtas e longas metragens, que vão oferecer ao público, ao lado da exposição de Salvador Dali, a oportunidade de se aprofundar no movimento surrealista. Trata-se da maior retrospectiva de filmes surrealistas e de vanguarda já realizada na cidade. A mostra traz, entre outros destaques, Um Cão Andaluz (1928), com roteiro de Dalí e Luis Buñuel. Serão três semanas de exibição que pretendem mostrar a vanguarda histórica surrealista no cinema, como também sua influência em filmes avant-garde e experimentais após a Segunda Guerra Mundial. No dia 8 de agosto haverá ainda um debate com os críticos de cinema Luiz Fernando Gallego e Cristiana Miranda. Os ingressos custam R$ 4 (inteira) e R$ 2 (meia). Clique para ver a programação completa.

O Centro Cultural da Justiça Federal fica na Avenida Rio Branco, 241, Centro. Mais informações pelo telefone 3261-2550. Já o Centro Cultural Banco do Brasil fica na Rua Primeiro de Março, 66, Centro. Mais informações pelo telefone 3808-2020.

Fonte: VEJA RIO