Violência

Dom Orani Tempesta tem carro roubado em Quintino

Em menos de um ano, é a segunda vez que o arcebispo do Rio é roubado

Por: Agência Estado - Atualizado em

Dom Orani Tempesta
Dom Orani Tempesta: quatro homens armados participaram do assalto (Foto: Divulgação)

Rio de Janeiro - O cardeal arcebispo do Rio, d. Orani Tempesta, sofreu um assalto em Quintino, na zona norte do Rio, na noite deste domingo, 5. É a segunda vez em menos de um ano que d. Orani é vítima de roubo.O arcebispo voltava de carro, com o motorista e um casal de amigos, de uma missa em Campo Grande, na zona oeste do Rio, quando o veículo foi abordado por quatro homens armados na altura do Viaduto de Quintino. Ninguém ficou ferido. O caso foi registrado na 24ª Delegacia de Polícia (Piedade). Agentes tentam agora localizar os assaltantes e recuperar o carro roubado.

+ Dom Orani foi nomeado cardeal pelo papa em 2014

Em setembro de 2014, o cardeal foi assaltado em Santa Teresa, na região central do Rio, e teve o anel, o cordão e o crucifixo roubados. Um dos três criminosos teria reconhecido o religioso e pedido desculpas pela ação. Antes disso, d. Orani chegou a ser revistado e ter uma arma apontada para a cabeça. Ele deixava a Residência Assunção, no Sumaré, e seguia de carro para um debate na sede da Arquidiocese do Rio, na Glória, zona sul. O veículo foi poupado pelos assaltantes.

+ Bandido que roubou Dom Orani em 2014 pediu perdão ao reconhecê-lo

Na ocasião, criminosos também levaram um celular, uma máquina fotográfica, uma mochila e o paletó do motorista. Um seminarista que também estava no carro teve a batina roubada. Ninguém se feriu.

+ Dom Orani, um paulista cada vez mais carioca

A Arquidiocese do Rio ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assalto do último domingo.

Fonte: VEJA RIO