COTIDIANO

Corridas de táxi tabeladas no Santos Dumont são até 45% mais caras

Para diversos destinos, a tabela de preços dos táxis no Aeroporto Santos Dumont fica mais cara do que o valor atribuído pelo taxímetro

Por: Thaís Meinicke - Atualizado em

taxi-abre.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Os preços fixos para os táxis do Aeroporto Santos Dumont têm aborrecido parte dos passageiros que chegam à cidade. Adotados em março pela Secretaria Municipal de Transportes, com o objetivo de inibir a ação de motoristas desonestos que faziam caminhos mais longos até o destino dos passageiros, os novos valores chegam a ser até 45% mais caros do que os marcados quando o taxímetro é ligado.

A Secretaria, responsável pela definição dos preços fixos, explica que a tabela foi criada para turistas e pessoas que não conhecem a cidade e que estes valores foram estipulados tendo como referência um ponto fixo nos bairros, independentemente das distâncias entre eles. Dessa forma, um passageiro que vai para o início da Barra da Tijuca, por exemplo, paga os mesmos R$ 77,00, que um que deseje ir para uma área mais distante do bairro. Muitos passageiros que já conhecem a cidade, no entanto, não concordam em pagar preços tão destoantes do valor recorrente.

Veja também: Corrida com preço fixo

Fonte: VEJA RIO