CIDADE

Achados e perdidos

Se você esqueceu algo por aí, saiba como recuperar

Por: Daniela Pessoa - Atualizado em

No metrô

As peças ficam armazenadas no Espaço do Cliente, que fica na Estação Carioca, por até 60 dias. Depois deste período, se o dono não for buscar, os objetos são doados a instituições de caridade ou encaminhados para reciclagem. O setor de achados e perdidos funciona de segunda a sexta-feira, exceto nos feriados, das 8h30 às 18h30. Para retirar o objeto esquecido, o passageiro deve descrevê-lo e, após a entrega, assinar um termo confirmando a devolução. No caso dos documentos, os números e nomes ficam cadastrados em um banco de dados. A consulta pode ser feita através dos telefones 0800 595 1111 e 4003 2111, que funcionam 24 horas.

Nos ônibus

Cada empresa tem sua norma. Para resgatar um objeto perdido na Real Auto Ônibus, por exemplo, basta enviar uma mensagem para a seção Achados e Perdidos no site www.realautoonibus.com.br, ou então entrar em contato através do e-mail contato@realautoonibus.com.br. É possível, ainda, ligar para 3836-1700. O setor de achados e perdidos fica na garagem sede da empresa (Avenida Aníbal de Sequeira, 129, Manguinhos). O horário de funcionamento é de 7h às 16h. A companhia não tem política de doação caso o objeto permaneça no depósito durante muito tempo.

Nas barcas

Todos os objetos encontrados nas estações e nas embarcações da concessionária são encaminhados para o setor de Atendimento ao Usuário, localizado na estação Praça XV. Informações sobre itens perdidos podem ser solicitadas diretamente lá ou através da Central de Relacionamento Barcas S/A (tel. 0800 721 10 12). Os itens também são cadastrados no site da concessionária (www.barcas-sa.com.br), onde permanecem à disposição para consulta.

Clique aqui para voltar à matéria sobre achados e perdidos

Fonte: VEJA RIO