BARES

É tempo de Rótulos próprios

Conheça sete endereços que emprestam o nome a marcas de cerveja em garrafa ou em chopes que vertem das torneiras

Por: Rafael Cavalieri

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Antiga Mercearia e Bar

O simpático misto de armazém e bar conta hoje com cerca de 180 rótulos de geladas, somente de cervejarias nacionais, que podem ser consumidos por lá ou levados para casa. Uma boa pedida é o chope pilsen próprio, que pode chegar em criativo pote de geleia de 458 mililitros por R$ 9,50. O weiss, que também leva o nome do bar, é trazido à mesa em imponente copo de 680 mililitros por R$ 15,90. Para beliscar, é novidade a porção de coxinhas de frango com massa cremosa acompanhadas de molho rosé (R$ 24,90, seis unidades). Outro hit local é o bolinho de feijoada, com linguiça, bacon e couve no recheio (4,90 a unidade).

Rua Voluntários da Pátria, 446, loja 7 (Cobal do Humaitá), ☎ 2226-6553 (60 lugares). 9h/1h. Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2013.

Aprazível

Trata-se de um restaurante de cozinha e vista afamadas, mas os entusiastas da cerveja não ficam à míngua. Rótulo da casa, a Aprazível Pale Ale é feita com lúpulos ingleses que conferem notas florais e maltes caramelados. Outras artesanais nacionais fazem parte da carta de cervejas, como a defumada Bamberg Rauchbier ou a Colorado Demoiselle, uma porter potente com aromas de café e chocolate. Cada uma delas custa R$ 25,00 (na garrafa de 600 mililitros) e cai bem na companhia dos deliciosos pães de queijo com linguiça mineira (R$ 27,00, oito unidades).

Rua Aprazível, 62, Santa Teresa, ☎ 2508-9174 (200 lugares). 12h/23h (dom. até 18h; fecha seg.).

Cc: todos. Cd: todos. Estac. c/manobr. (sábados e domingos). Aberto em 1997.

Devassa

Em pouco mais de uma década de funcionamento, a rede espalhou oito unidades pela cidade e chegou a outros seis estados brasileiros. Com cardápio padronizado, atrai clientela fiel por causa dos chopes de produção própria e dos tira-gostos fartos. Leve, a Devassa Loura é uma pilsen (R$ 7,95, 300 mililitros). Encorpadas, a negra, a ruiva e a índia utilizam mais lúpulos e cada uma possui uma peculiaridade, fazendo com que o ideal seja provar todas (R$ 8,95 cada uma, 300 mililitros). Para acompanhar, peça a chapa da laje, que reúne alcatra, frango, calabresa e queijo de coalho acompanhados de banana à milanesa, chips de batata, cebola empanada, manteiga com pimenta, molho à campanha e farofa (R$ 74,95).

Avenida das Américas, 7777, Shopping Rio Design, Barra, ☎ 2431-3649 (120 lugares). 12h/0h (sex. e sáb. até 1h). Cc: todos. Cd: todos; Rua Visconde de Pirajá, 539 (Hotel Mar Ipanema), Ipanema, ☎ 2512-2051 (70 lugares). 6h/4h. Cc: todos. Cd: todos. Mais seis endereços. Aberto em 2002.

La Carioca

Variações em torno da típica receita andina de peixe cozido no limão inspiram o cardápio do bar inaugurado em 2011 no Jardim Botânico, com filial em Ipanema. Experimente as cervejas da casa: a pilsen refrescante ou a frutada weiss. Ambas podem ser encontradas em garrafas de 355 ou de 600 mililitros (R$ 11,00 e R$ 18,50 a pilsen ou R$ 12,00 e R$ 19,50 a weiss). Na lista de ceviches, o oriental, excelente pedida, reú­ne peixe branco, shoyu, gengibre, óleo de gergelim, suco de limão e togarashi, uma pimenta japonesa aromática (R$ 23,00).

Rua Maria Angélica, 113-A, Jardim Botânico, ☎ 2226-8821 (50 lugares). 18h30/0h (qui. a sáb. até 2h);

Rua Garcia d'Ávila, 173, Ipanema, ☎ 2522-8184 (40 lugares). 18h/0h (sex. e sáb. até 2h). Cc: todos. Cd: todos. www.lacarioca.com.br. Aberto em 2011.

Pe'Ahi

O nome do lugar, dado pelo sócio e surfista Eraldo Gueiros, foi inspirado em uma baía na Ilha de Mauí, no Havaí, onde ondas gigantes atraem praticantes do surfe do mundo inteiro. Entre temakis, sushis e sashimis, peça um dos dois rótulos próprios para acompanhar. A Pe'Ahi Blonde Ale é leve e refrescante, perfeita para depois da praia (R$ 12,00, 355 mililitros). Já a Amber Ale foi elaborada com malte da Bélgica e duas variedades de lúpulo. A receita, levemente amarga, exala aromas florais e cítricos (R$ 18,00, 500 mililitros). Para beliscar, acompanha bem uma pedida mais encorpada, como o sukiyaki vegetariano, fondue oriental com legumes, tofu, shimeji e shiitake (R$ 34,00).

Avenida do Pepê, 780, Barra, ☎ 2492-1286 (100 lugares). 11h30/0h (sex. e sáb. até 1h; dom. e feriados 15h/1h). Cc: todos. Cd: todos; Rua José Roberto Macedo Soares, loja 5B, ☎ 2512-2668 (30 lugares). 12h/0h30 (qui. e dom. até 1h; sex. e sáb. até 2h). Cc: D, M e V. Cd: V e R. Aberto em 2007.

Pipo

Reduto mais informal do premiado chef Felipe Bronze, conta com dois rótulos próprios fabricados pela cervejaria carioca Röter Brauhof. A Pipo Summer Ale (R$ 15,00, 355 mililitros), leve e refrescante, acompanha bem o singular ceviche de picles de cebola, quiabo e pistache combinados ao peixe e à batata-doce (R$ 29,00). Já a Pipo Pale Ale tem cor acobreada e é mais encorpada (R$ 25,00, 600 mililitros). Pode ser harmonizada com o cervantes, sanduíche de barriga de porco, compressa de abacaxi e maionese defumada no pão de leite (R$ 34,00, duas unidades).

Rua Dias Ferreira, 64, Leblon, ☎ 2239-9322 (48 lugares). 12h30/23h (sex. e sáb. até 0h; dom. 12/18h; seg. 19h/23h). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2013.

Pub Escondido, CA

Nas 24 torneiras que se destacam no balcão, as opções de chope estão sempre variando, abastecidas de rótulos artesanais nacionais e importados. Quem estiver na dúvida pode apostar sem erro nos rótulos da casa. O Escondido Pilsen é leve, mas tem personalidade (R$ 7,90), enquanto o weiss, feito de trigo, contém notas de cravo e banana (R$ 11,90). Qualquer um deles chega no copo de 295 mililitros. Para matar a fome, escolha entre os quinze hambúrgueres do cardápio. O inconfidentes é feito com pão de malte defumado e rauchbier, 200 gramas de carne angus, queijo da Serra da Canastra, bacon frito no melado de cana e couve frita, ladeado por picles de pepino e batatas fritas (R$ 35,00).

Rua Aires Saldanha, 98, loja A, Copacabana, ☎ 2522-9800 (121 lugares). 18h/2h (ter. a qui. e dom.); até 3h (sex. e sáb.). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2013.

Fonte: VEJA RIO