saiu da areia

Ícone das praias, queijo de coalho invade os bares

Salgadinho e saboroso, ingrediente pode ser protagonista ou parte de petiscos deliciosos. Veja as sugestões

Por: Rafael Cavalieri - Atualizado em

Bar do Tino
Mistão completo: destaque do Bar do Tino (Foto: Selmy Yassuda)

Bar do Tino

O ponto simples é comandado pela família Alves Santana. Do salão e da laje, uma vista incrível, pon­tua­da por car­tões-postais do Rio, aguarda quem encara a subida até o alto do Morro dos Prazeres. Recupere as energias com as batidas de sabores como gengibre, caju e maracujá (R$ 3,50 cada uma), acompanhadas de cascos de Original (R$ 9,00). Parte do farto mistão (R$ 120,00), o queijo de coalho chega ao lado do famoso frango de pele crocante, da costela suína, da linguiça, da carne de sol e dos nacos de aipim. Tudo isso ladeado por porções de arroz, fei­jão-tropeiro e batatas fritas. Rua Almirante Alexandrino, 3780, casa 7, ☎2225-5780 e 99211-5862 (30 lugares). 11h/18h (apenas sáb. e dom.). Cd: todos. Aberto em 2004.

+ Veja seis drinques em homenagem aos 450 anos do Rio

Cine Botequim

Produções e personagens cinematográficos são a inspiração maior para este endereço no Centro. Entre os comes, as coxinhas são as especialidades locais. Mas, na ala dos principais, o oscarito reúne galeto, contrafilé, carré, salsichão e queijo de coalho acompanhados de arroz, feijão, farofa e fritas. A pedida serve até três pessoas. O mesmo acontece com o josé wilker, um clássico baião de dois. Cada pedida sai porR$ 79,90. A carta de cervejas artesanais ganhou reforços e agora conta com cerca de noventa rótulos. Vale a pedida a Funk IPA, uma sugestão leve da 2Cabeças (R$ 14,90; 355 mililitros). Rua Conselheiro Saraiva, 39, Centro, ☎2253-1414,     ↕Uruguaiana (120 lugares). 11h30/23h (fecha sáb. e dom.). Cc: todos. Cd: todos. www.cinebotequim.com.br. Aberto em 2010.

Chico e Alaíde

O bar foi criado por dois personagens da boemia carioca, ambos egressos do Bracarense. O ex-garçom Chico distribui sorrisos e de vez em quando tira o chope Brahma (R$ 7,10, tulipa de 300 mililitros) com maestria. Já a quituteira Alaíde criou o famoso bolinho que leva seu nome (R$ 5,70), feito com aipim, catupiry e camarão. Outra invenção é o excepcional cascudinho de baião de dois (R$ 7,20), que pegou o prato e transformou em um salgado. Aqui, o queijo de coalho aparece no recheio e na crosta. Rua Dias Ferreira, 679, Leblon, ☎ 2512-0028(80 lugares). 11h/0h (sex. e sáb. até 1h; dom. até 22h). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2009.

+ Veja os demais destaques de bares

Gracioso

Após uma reforma motivada por um incêndio, a casa reabriu as portas em 2013. Na carta de cachaças se encontram sessenta rótulos, muitos deles à vista nas prateleiras. A dose da mineira Salinas sai por R$ 7,00. Entre as cervejas se encontram cerca de 110 opções. A holandesa La Trappe Tripel (R$ 78,00; 750 mililitros) é perfeita para dividir  com os amigos, assim como a gaúcha Coruja Viva (R$ 46,00; 1 litro).  Criativo, o brasileirinho traz massa de feijão-­carioquinha com recheio de carne-seca e queijo de coalho. A unidade de cada salgado é servida por R$ 6,00. Outro hit local é a porção de palitos de queijo de coalho fritos acompanhados de melado de cana (R$ 23,00). Rua Sacadura Cabral, 97, Saúde, ☎ 2263-5028        (170 lugares). 11h/1h (fecha sáb. e dom.). Cc: todos. Cd: todos. Reaberto em 2013.

Inverso Bar

Protegida da confusão exterior da Rua Mena Barreto por vidraças transparentes, a casa serve uma carta com pouco mais de quarenta rótulos de cerveja. Pedida certeira para os amantes do amargor, a 6’O Clock (R$  29,90; 500 mililitros) é uma american IPA feita paulista Invicta em parceria com a americana Sixpoint. Na seção dos tira-gostos elaborados pela chef Bruna Sena, boa dica são os cubos de filé-mignon e queijo de coalho em delicioso e encorpado molho de cebola à base de vinho (R$ 36,00). Rua Mena Barreto, 22, Botafogo, ☎ 3796-3435 (40 lugares). 12h/1h (sex. e sáb. até 2h; fecha dom.).Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2014.

João Sexto
Tábua João Sexto: farta e deliciosa (Foto: Nicolas Iacovone)

João Sexto

Comandada pela mineira Suelen Masseli, a casa é destino certo para uma boa happy-­hour. Acompanham bem o chope Brahma (R$ 5,50; 350 mililitros) ou a IPA Therezópolis Jade (R$ 17,00; 600 mililitros) os cubos de queijo de coalho à milanesa. Ele pode chegar também no palito. Cada pedido sai por R$ 20,00 e chega com melado com pimenta. Mais farta, a tábua dom pedro (R$ 44,00) traz carne-seca acebolada com aipim frito coberta por queijo de coalho gratinado. Rua Conselheiro Saraiva, 37, Centro, ☎ 2263-8534    (70 lugares). 11h30/23h (seg. até 17h; fecha sáb. e dom.). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2014.

Palaphita Kitch
Caldinho espacial: criação do Palaphita Kitch (Foto: Felix Fink)

Palaphita Kitch

O quiosque que trouxe novos ares à Lagoa presta homenagem ao Rio com uma criação. O caldinho de feijão à palaphita (R$ 15,00) é feito com feijão-manteiguinha da Amazônia e chega acompanhado de queijo de coalho picante e couve crocante. Refresque-se com a caipikitch (R$ 29,50), que leva na receita melancia, hortelã e gengibre. Avenida Epitácio Pessoa, s/nº, quiosque 20,Parque do Cantagalo, Lagoa,☎2227-0837(150 lugares). 18h/1h (seg. até 0h). Cc: V, D e M.Cd: todos. www.palaphitakitch.com.br. Aberto em 2004.

Tempero da Praça

O imóvel onde antes funcionou o Petit Paulette hoje abriga este bar de cozinha criativa. Um dos carros-chefes do cardápio é a porção de cigarretes de queijo de coalho (R$ 19,90, seis unidades). Trata-se de um salgado feito com massa de pastel, envolvida ainda por parmesão e orégano. Mate a sede com cascos de Bohemia, Original ou Heineken (R$ 10,20, cada) ou com alguma das opções da carta de artesanais, a exemplo da aromática Fraga Weiss (R$ 27,60; 600 mililitros). Rua Barão de Iguatemi, 408, Praça da Bandeira, ☎ 2504-0841 (30 lugares). 11h/23h (dom. até 17h). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2012.

Fonte: VEJA RIO