BARES

El Born

Reduto de inspiração espanhola em Copacabana chega ao seu primeiro inverno com atraentes novidades

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

COMIDA ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪✪ | BEBIDAS ✪✪✪✪

Lipe Borges
(Foto: Redação Veja rio)

Dono da rede Belmonte, o empresário Antonio Rodrigues ganhou, além de dinheiro, críticas à falta de personalidade dos pés-limpos que espalhou pela cidade. Desse mal não sofre sua última empreitada. Aberto no fim do ano passado, o reduto de inspiração espanhola em Copacabana superou percalços iniciais no serviço e chega ao seu primeiro inverno com atraentes novidades. Destaque local, a carta de drinques assinada por Gustavo Stemler (ex-Meza Bar) recebeu duas saborosas releituras. Uma delas é o quentão (R$ 19,00, para duas pessoas). A mistura de cachaça, rum, infusão de caramelo, canela, cravo e casca de laranja é servida em um bule, quase gelada. Também reinventado, o bloody mary (R$ 25,00) chega à mesa defumado: a receita de vodca, suco de tomate, limão-taiti, pimenta e sal de aipo é realçada por um toque de fumaça de alfazema. Para acompanhar, escolha entre tapas como a almôndega de cordeiro ao molho de tomate, o camarão picante e, outra sugestão de inverno, o caldo verde (preços entre R$ 6,00 e R$ 7,50).

Rua Bolívar, 17-A, Copacabana, ☎ 3496-1781, ? Cantagalo (72 lugares). 17h/2h (sáb. e dom. a partir das 15h). Cc: M e V. Cd: R e V. Aberto em 2012.

Dica: nos fins de semana, quando Gustavo Stemler dá expediente na casa, garanta lugar no balcão para trocar dois dedos de prosa e provinhas com o barman

Fonte: VEJA RIO