BARES

Volta com moderação

Sucessor da rede Conversa Fiada, o Conversinha já ocupa dois endereços na Barra

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

BEBIDAS ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪ | COZINHA ✪✪✪

roteiro-bares-abre.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Inaugurado em 2003, na Barra, o Conversa Fiada virou rede e chegou a ocupar quatro endereços na cidade, mas, há dois anos, sumiu do mapa carioca. Dono do negócio, André Zacconi buscou outros caminhos. Levou a marca para um bufê de comida de botequim e um serviço de entregas de chope de produção própria. Aos balcões, voltou em dose moderada: são filhotes da empreitada as unidades do Conversinha no shopping Downtown e na movimentada Avenida Olegário Maciel, esta aberta no fim de janeiro.

O diminutivo na fachada define as dimensões físicas do projeto. No novo endereço, as poucas mesas espalhadas pela varanda são voltadas para a rua. Cremoso, o chope da casa é servido nas opções claro (R$ 4,40) e escuro (R$ 4,90), em tulipas de 300 mililitros. Caprichada, a seleção de petiscos oferece sugestões inventivas em porções individuais. A trouxinha de mortadela chega à mesa recheada de queijo gorgonzola, catupiry e mussarela temperada (R$ 12,00 a unidade). Servido em tamanho míni, o bobó de camarão (R$ 19,00) é acomodado em uma bela caçarola. Para dividir, são pedidas acertadas os bolinhos de vaca atolada (R$ 18,00) ou de berinjela com tomate, queijo e especiarias (R$ 19,00), ambos em porções de seis unidades. Entre os clássicos de boteco, figura ainda na lista de belisquetes o filé-mignon aperitivo ao molho madeira com gorgonzola (R$ 19,00, individual).

Conversinha. Avenida Olegário Maciel, 366, Barra da Tijuca, ☎ 7826-6668 (24 lugares). 17h/1h (sáb. a partir de 15h; dom. 15h/0h; fecha seg.). ? ↔ Aberto em 2013.

Fonte: VEJA RIO