BARES

Gastrobar

Quatro endereços de cardápio mais sofisticado

Por: Rafael Cavalieri - Atualizado em

roteiro-bares-05-abre-meza.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Boteco D.O.C.

Comandado por Gabriel Carvalho, com passagem pelas cozinhas do extinto 66 Bistrô, da CT Brasserie e do Ix Bistrot, o bar traz elaboradas sugestões, a exemplo do pastel de berinjela defumada (R$ 5,00 a unidade) e do ragu de cogumelos (paris e shiitake) com cesta de pães e farofa panko (R$ 29,00). Para acompanhar, a carta de cervejas oferece a belga Duvel por R$ 24,50 (330 mililitros).

Rua das Laranjeiras, 486, loja B, Laranjeiras, ☎ 3486-2550 (32 lugares). 12h/0h (sáb. 13h/1h; dom. 13h/19h). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2013.

Crustô

Simpático, o nome é catalão e significa pão tostado. A região espanhola também influencia as receitas do chef argentino Gabriel Monti. No pequeno ambiente de paredes escuras, decoração, louça e talheres são cheios de bossa. A sangria de vinho tinto custa R$ 49,00 e chega em jarra de 1 litro. Para beliscar, há sugestões atraentes. Novidade da casa, o nosso hambúrguer tem 180 gramas de carne, geleia de tomate, alface e molho de queijo azul (R$ 26,90). O ovo crustô (R$ 19,50) também é um acerto: caipira, chega à mesa cozido, em forma de flor, com a gema mole, ao lado de batata frita e linguiça.

Rua Vinicius de Moraes, 72, Ipanema, ☎ 2179-9516 (40 lugares). 12h/2h (seg. 18h/0h, ter., qua. e dom. até 0h.) Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2013.

Meza Bar

É o pioneiro entre os endereços da cidade conhecidos como gastrobares. Na lista de comes, o potinho de risoto de limão-siciliano com queijos mascarpone e minas padrão virou clássico (R$ 23,00). Outra boa opção, a carne thai leva leite de coco e amendoim com tempero picante

(R$ 25,00). No comando dos drinques, Jéssica Sanchez oferece o Dark Lady, com vodca Cîroc red berry, redução de jabuticaba e espumante (R$ 22,00).

Rua Capitão Salomão, 69, Humaitá, ☎ 3239-1951 (80 lugares). 18h/1h (qui. a sáb. até 3h). Cc: todos. Cd: todos. www.mezabar.com.br. Aberto em 2008.

ZOT Gastrobar

Em meio à enxurrada de chope na vizinhança boêmia da Rua Bolívar, a casa sobressaiu ao apostar na carta de vinhos. Opção em conta entre os tintos é o argentino Bodega Las Moras Malbec 2011

(R$ 58,00). No cardápio de comes, o steak tartare chega com perfume de trufas e gema de mostarda Dijon e codorna, acompanhado de fritas (R$ 30,00). Sugestão mais consistente, o porteño é um filé de carne black angus com risoto de mascarpone e cenoura (R$ 69,00).

Rua Bolívar, 21, Copacabana, ☎ 3489-4363 (55 lugares). 12h/0h (sex. e sáb. até 2h). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2012.

Fonte: VEJA RIO