BARES

Inspiração gaúcha

O bar Farroupilha traz novos ares a rua de Copacabana usada como canteiro do metrô

Por: Rafael Sento Sé - Atualizado em

BEBIDAS ✪✪ | AMBIENTE ✪✪ | COZINHA ✪✪✪

Fernando Lemos
(Foto: Redação Veja rio)

Enquanto moradores de Ipanema protestam contra a instalação de uma estação do metrô na Praça Nossa Senhora da Paz, temerosos de que o espaço perca sua vocação para o lazer, os comerciantes da Rua Anita Garibaldi, em Copacabana, tentam superar de vez o estigma de rua fantasma que acompanhou o local durante a expansão do sistema para o Posto 6. Ao longo de boa parte da década passada, a via virou um canteiro de obras, cercada de tapumes e interditada ao trânsito. Poucos se atreviam a passar por lá. Apesar de aberto há um ano, o Farroupilha permaneceu um segredo bem guardado nas redondezas do pacato bairro Peixoto. Batizado em homenagem ao movimento separatista gaúcho que teve como um dos líderes a personagem que dá nome à rua, o boteco tem como pontos fortes os embutidos e os espetinhos artesanais, que, apesar de toda a referência rio-grandense, vêm de Minas Gerais.

Uma vez instalado na agradável varanda decorada com material de demolição ou no salão sem janelas, e um tanto claustrofóbico, peça uma cerveja da lista, que inclui Budweiser (R$ 4,80 a long neck) e Heineken (R$ 7,50, 600 mililitros), ou chope Brahma (R$ 4,30 a tulipa). Há sete versões de linguiça recheada, entre elas a levemente picante de alho e azeitona. Cada uma custa R$ 6,50. Parta para as carnes no palito vendido por unidade. O cordeiro (R$ 6,80) e o medalhão de carne (R$ 5,80) primam pela maciez. Saboroso, o espetinho de carne-seca com queijo de coalho (R$ 5,80) também vale a pedida.

Farroupilha. Rua Anita Garibaldi, 9, Copacabana, ☎ 2236-3632, ? Siqueira Campos (36 lugares). 10h30/0h (sex. e sáb. até 1h). Cc: todos. Cd: todos. ↔ Aberto em 2010.

Fonte: VEJA RIO