NOITE

Noite

Confira as festas que são destaque na programação noturna desta semana

Por: Rafael Cavalieri

Baile da Favorita

O badalado baile funk organizado pela promoter Carol Sampaio reúne nomes clássicos do estilo, como os MCs Sapão, Marcinho e Andinho, além do DJ Tubarão.

Acadêmicos da Rocinha. Rua Bertha Lutz, 80, São Conrado. Sexta (19), 22h. R$ 300,00 (mulheres,

4º lote, e homens, 3º lote). ICE.

Menina Leblon - Racionais MC's

Expoentes do rap nacional, Mano Brown, Ice Blue, KL Jay e Edi Rock, os Racionais MC's, se apresentam pela primeira vez em um palco da Zona Sul carioca. Antes e depois, um time de DJs comanda as carrapetas com black music.

Clube Monte Líbano. Avenida Borges de Medeiros, 701, Lagoa, ☎ 2239-2399. Sexta (19), 22h30. R$ 100,00 (pista, 2º lote), R$ 120,00 (party stage mulheres, 2º lote) e R$ 160,00 (party stage homens, 2º lote). www.woowzone.com.br.

Outros 500 - Le Cirque

Técnicas do picadeiro inspiram a próxima edição do agito. Artistas do Cirque du Soleil farão performances nas pistas ao longo da noite. No line-up estão atrações como Raphael Assad e Rodrigo Sha, Felipe Fella e Locos.

Círculo Militar da Praia Vermelha. Praça General Tiburcio, s/nº, Urca. Sexta (19), 22h. R$ 140,00 (mulheres, 3º lote) e R$ 160,00 (homens, 3º lote). ICE.

The Esbórnia Candy Factory

Para comemorar o aniversário de quatro anos da noitada, a produção se inspirou no filme A Fantástica Fábrica de Chocolate e transformou a estação de trem da Leopoldina em uma grande linha de montagem de doces. A decoração terá cupcakes, pirulitos e bolo gigante. O som dos DJs residentes e open bar completam o programa.

Estação Leopoldina - Barão de Mauá. Avenida Francisco Bicalho, s/nº. Sábado (20), 23h. R$ 260,00 (mulheres, 2º lote) e R$ 340,00 (homens, 2º lote). ICE.

Wobble

A festa trouxe do Canadá sua atração principal: DJ Lunice vai dividir os pickups com Rodrigo S., Marginal Men e Fabio Heinz.

Espaço Franklin. Avenida Passos, 36, Centro, ☎ 2222-4444. Sábado (20), 23h. R$ 60,00 (1º lote). www.woowzone.com.br.

Fonte: VEJA RIO