Amazônia

Com enredo simples, é uma trama infantil, mas que adultos vão curtir bastante

AVALIAÇÃO ✪✪✪

Uma das maiores e mais ambiciosas produções dos irmãos Fabiano e Caio Gullane (de O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias), esta aventura leva a direção do documentarista francês Thierry Ragobert (O Planeta Branco). Com enredo simples, é uma trama infantil, mas que adultos vão curtir bastante. Narra-se aqui a trajetória de Castanha, um macaco-prego criado em cativeiro. O animal é vendido para um circo e, no caminho, o avião cai no meio da Floresta Amazônica. A partir daí, Castanha encara as adversidades da mata, enfrenta o ataque de predadores, procura alternativas para se alimentar e se encanta com a macaquinha Gaia. Quem viu A Marcha dos Pinguins (2005) vai notar semelhanças. O “protagonista” ganha voz em off (de Lúcio Mauro Filho) e passa por situações perigosas em meio à deslumbrante natureza. Foram três anos de produção e dificuldades transpostas para chegar a um resultado formidável – o longa é um mix de registro real com uma convincente história ficcional. A coprodução francesa ainda rendeu um acabamento de primeira linha. Da requintada fotografia à impecável edição de som, o filme ganhou uma versão em 3D de encher os olhos e balançar o coração. Direção: Thierry Ragobert Amazonia, França/Brasil, 2013, 83min). Livre. Estreou em 26/6/2014.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s