Adaptações literárias ganham espaço no circuito teatral carioca

Do clássico ao pop, livros que se tornaram espetáculos

 Clarice Lispector & Eu — O Mundo Não É Chato. Trechos da obra da autora de A Hora da Estrela são mesclados a textos autorais de Rita Elmôr em singelo monólogo (60min). 12 anos. Teatro Vannucci. Rua Marquês de São Vicente, 52, Gávea. Sexta e sábado, 19h; domingo, 18h30. R$ 80,00. Até 30 de abril.

 Instabilidade Perpétua. Em seu primeiro solo, Soraya Ravenle faz um poético recorte do livro homônimo do filósofo paulistano Juliano Garcia Pessanha, incentivando a reflexão sobre fatores sociais responsáveis pela criação da identidade infantil (60min). 14 anos. Midrash Centro Cultural. Rua General Venâncio Flores, 184, Leblon. Quinta, 20h. R$ 40,00. Até 27 de abril.

 Os Insones. O livro escrito pelo guitarrista Tony Bellotto ganha adaptação homônima, com Amanda Grimaldi e Guilherme Ferraz (na foto). Violência e suspense marcam a trama sobre conflitos decorrentes de desigualdade social. Direção da atriz Érika Mader, sobrinha de Bellotto (100min). 16 anos. Teatro Eva Herz. Rua Senador Dantas, 45, Centro. Terça e quarta, 19h. R$ 40,00. Até 26 de abril.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s