Ligações bem perigosas

Infidelidade, religião e intolerância são os temas abordados no drama A Tentação

Na primeira cena do drama A Tentação, o detetive Hollis (Terrence Howard) descobre que a mulher foi infiel durante muitos anos e seus dois filhos são de outro homem. Em seguida, surge mais um personagem em conflito. Gavin (Charlie Hunnam) está prestes a cometer uma loucura e Hollis, especialista em negociar com suicidas, ouve a história do rapaz. No topo de um edifício, ele tem poucos minutos para decidir se pula ou se deixa uma pessoa morrer em seu lugar. Saber o motivo que o levou a tal situação é o eixo central do roteiro, escrito pelo diretor e jornalista inglês radicado nos Estados Unidos Matthew Chapman. Marido da atriz brasileira Denise Dumont, o realizador não filmava desde 1988.

Gerente de um hotel, Gavin fez amizade com um casal recém-chegado ao prédio onde mora e logo descolou um emprego de camareira para Shana Harris (Liv Tyler). Em retribuição, Joe (Patrick Wilson), o marido dela, oferece um jantar em sua casa. Gavin e seu amigo homossexual Chris (Chris Gorham) saem de lá contrariados. Cristão fundamentalista, Joe acredita, por exemplo, na conversão de gays em héteros. Já Gavin, ateu e mais flexível, toca o cotidiano na base do desprendimento. A aproximação cada vez mais intensa entre ele e a vizinha casada vai convergir para um desenrolar tenso e um clímax inesperado.

Sem afetações visuais nem gordurinhas na trama, o longa-metragem vai direto ao ponto para debater questões oportunas, como a intolerância religiosa dos protagonistas ? Joe se agarrou a Deus, Gavin o abandonou e ambos possuem motivos plausíveis para tal decisão. Presente na vida de Hollis, Gavin e Joe, a traição conjugal está intimamente ligada à religiosidade, e depende deles perdoar o adultério para seguir em frente.

A Tentação, de Matthew Chapman (The Ledge, EUA/Alemanha, 2011, 101min). 14 anos. Estreou em 10/8/2012. Cinemark Downtown 5, Estação Sesc Barra Point 1, Estação Sesc Ipanema 1, Estação Sesc Rio 1, Estação Vivo Gávea 3, UCI New York City Center 6.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s