Mães de chefs inspiram pratos nos cardápios da cidade

Na lista a seguir você encontra uma seleção de receitas saborosas e cheias de história 

+ Onde encomendar pratos para o almoço de Dia das Mães

Bar Urca

Matriarca da família Gomes, dos  fundadores do tradicional restaurante, dona Maria costumava fazer, nos almoços em casa, postas de bacalhau cozidas no azeite, acompanhadas de couve mineira, brócolis e batata, um preparo típico da cidade portuguesa de Penafiel, sua terra. A receita acabou sendo incorporada por seu filho Armando ao menu. Batizado de bacalhau da vovó maria (R$ 178,00, para dois), o prato é servido na cataplana. No domingo (10), as mães ganham de presente um bem-casado. 

Chez L’Ami Martin

Rodrigo Azevedo_chez l

Lembrança de infância do chef francês Pascal Jolly, a cheesecake que sua mãe preparava ganha versão na forma de verrine, servida no copo, com camadas de biscoito, creme de mascarpone e calda de framboesa com figo. O doce será oferecido no domingo (10) por R$ 24,00.

Nomangue

nomangue_Wagner Ziegelmeyer_moqueca de lagostim

nomangue_Wagner Ziegelmeyer_moqueca de lagostim

Famosa cozinheira de Barra de Guaratiba, Tia Penha serve, na casa que leva seu nome, uma saborosa moqueca de lagostim. Para homenageá-la, seu filho, Vaval Souza, lança, na unidade de Copacabana de seu restaurante, uma releitura da receita. O chef grelha os crustáceos em separado e, depois, adiciona-os ao molho de moqueca, um pouco mais apimentado do que o original. O prato é guarnecido de arroz e farofa de dendê (R$ 109,00, para dois). 

sá_polvo com favas

sá_polvo com favas

Cozinheiro do restaurante no Hotel Miramar by Windsor, Paulo Góes recebe a mãe, a chef Maria Victoria, para um jantar a quatro mãos na sexta (8). Eles preparam juntos o polvo com fava, linguiça, tomate-cereja e molho vinagrete, parte do menu de seis etapas (R$ 180,00). A receita passada de mãe para filho volta a ser servida no domingo (10), abrindo o menu de Dia das Mães — a R$ 130,00, com entrada, prato e sobremesa. 

Zazá Bistrô Tropical

zazá bistrô tropical_cozido

zazá bistrô tropical_cozido

Para matar a saudade da mãe, que mora em São Paulo, a restauratrice Zazá Piereck incluiu no almoço de domingo o cozido de músculo na cerveja preta com batatas doce e baroa, além de banana-da-terra (R$ 52,00). O prato, acompanhado de canjiquinha com quiabo sauté, é um clássico de família.Rua Joana Angélica, 40, Ipanema, ☎ 2247-9101.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s