UFF vai mapear violência nas universidades do Rio

Estudo pretende descobrir quais os pontos mais perigosos dentro e nos arredores das instituições

Pesquisadores do Instituto de Estudos Comparados de Administração Institucional de Conflitos (Ineac) da UFF apresentaram um projeto inovador para identificar os pontos mais perigosos dentro e ao redor das principais universidades do Rio. A ideia, aprovada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Rio de Janeiro (Faperj), tem como objetivo montar um plano de segurança para proteger os campi e as áreas com grande circulação de pessoas acadêmicas. 

+ Lanterna que dá choques elétricos vira ‘mania’ no Rio

O projeto vem em um momento de aumento dos crimes nessas localidades, juntamente com a crescente sensação de insegurança. Alunos e funcionários das instituições vêm sendo vítimas de roubos e até estupros, muitas vezes dentro dos próprios campi, escuros e mal iluminados de noite. Ao mesmo tempo, as universidades tem registrado um crescimento significativo no número de alunos, o que exige mais investimentos. 

 

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s