Sérgio Cabral é transferido para prisão sem bloqueador de celular

Ex-Governador saiu do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, para a Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou que a nova unidade prisional do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB) ainda não tem bloqueadores de celular. Cabral foi transferido, na manhã deste domingo (28), do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, zona oeste do Rio, para a Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, zona norte, que foi recentemente reformada.

Segundo a secretaria, inspetores de segurança e administração penitenciária farão “revistas minuciosas” nas visitas utilizando esteiras de raio-x, raquetes e bancos detectores de metais”. “Tais aparelhos ajudam a evitar que materiais ilícitos entrem nessas unidades”, informou, por meio de nota.

A Vara de Execuções Penais havia proibido a transferência do ex-governador porque a nova unidade também não tinha câmera de ângulo frontal no acesso ao presídio. Também por nota, a Seap declarou que a unidade é monitorada “24 horas por dia através de câmeras instaladas dentro das galerias, portarias, pátio de visitas, banho de sol, entre outros”.

“Ao todo são 53 câmeras, incluindo a que dá acesso à portaria principal, conforme solicitado pela Vara de Execuções Penais, VEP. Uma equipe de inspetores de segurança e administração penitenciária vai operar a central de monitoramento de imagens que ficará na sala do diretor da unidade prisional”, informou.

Cabral ficará em uma cela com a mesma capacidade, de 16 metros quadrados, da que ficava em Bangu e com o limite para até seis detentos. A direção da unidade ainda vai definir se o local será totalmente preenchido.

A cela tem três beliches e um banheiro com vaso, pia e chuveiro de água fria. O ex-governador, porém, terá mais privacidade, já que os banheiros são fechados no meio da cela. Em Bangu, apenas uma meia parede separa o chuveiro do vaso.

Cabral e os outros detentos também receberão colchões usados por atletas durante a Olimpíada. Cada interno tem o direito a uma tomada na cela e poderá levar um ventilador de 30 cm, conforme prevê a lei. Por cela, também segundo a lei, pode ter uma televisão de 14 polegadas.

Junto com o ex-governador, foram transferidos mais 146 presos para o local, entre 53 detentos com nível superior (incluindo presos da Operação Lava Jato) e outros 93 que cumprem pena por não pagar pensão alimentícia. Eles foram levados em nove viaturas da Grupamento do Serviço de Escolta (GSE) e chegaram à unidade às 10h. Os presos transferidos estavam Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira, conhecida como Bangu 8, para detentos com diploma universitário.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s