Rio registra piora de 10% no serviço de energia elétrica

De acordo com pesquisa da Firjan, média nacional é de 16 horas sem o serviço enquanto Rio amarga 25 horas

O fornecimento de energia elétrica no estado do Rio piorou nos últimos anos. De acordo com um estudo da Firjan, os municípios fluminenses ficaram cerca 25 horas sem energia em 2016. Um aumento de 10,2% em relação a 2011. Em algumas cidades o tempo de interrupção é quase o dobro da terrível marca do Rio. Angra dos Reis, por exemplo, ficou mais de 48 horas sem energia no ano passado. Já Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, e Petrópolis, na região Serrana, registraram mais de 30 horas de interrupção.

A Light saiu em defesa de seus serviços. De acordo com a concessionária, os dados destacados pela Firjan não refletem a realidade da empresa. A companhia ainda afirma que a metodologia aplicada na composição dos índices de duração (DEC) e frequência (FEC) das interrupções no fornecimento de energia não teriam embasamento regulatório e difere da adotada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s