Operação contra corrupção nos transportes prende 11 pessoas

Ao todo, foram cumpridos oito mandados de prisão preventiva, três de prisão temporária e 30 mandados de busca e apreensão

A Polícia Federal (PF) informou, na noite de segunda (3), que 11 mandados de prisão foram cumpridos contra suspeitos e acusados de participar de uma organização criminosa que atuava no setor de transportes do Rio. Ao todo, foram cumpridos oito mandados de prisão preventiva, três de prisão temporária e 30 mandados de busca e apreensão.

Dez pessoas foram presas no Rio e uma em Santa Catarina. O preso no Sul do país será encaminhado ainda nesta terça (4) ao sistema penitenciário fluminense, onde ficarão todos os demais acusados e suspeitos.

Ao todo, foram apreendidos R$ 2,3 milhões, 17 mil euros e US$ 8 mil em dinheiro, além de 49 caixas com objetos, relógios e joias. Esse material será periciado pela Polícia Federal.

A Operação Ponto Final, um desdobramento da Lava Jato, investigou um esquema de propinas repassadas de empresários de transportes para agentes públicos, entre eles o ex-governador Sérgio Cabral, segundo o Ministério Público Federal.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s