Memórias da Cidade

A Igreja de Nossa Senhora do Carmo, a Antiga Sé, no Centro, já foi o mais concorrido palco de música da cidade, graças à boa acústica e ao raríssimo órgão que, no século XIX, era disputado por virtuoses e admirado pelo público. Com o tempo, porém, ele se deteriorou e virou objeto decorativo. A boa notícia é que um novo instrumento, semelhante ao original, está em fase de montagem e no próximo ano será colocado em seu lugar. Feito com cedro e maçaranduba, terá inédito sistema digital, permitindo que seja tocado a distância.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s