Saudade de meu pai

Os dez filhos e filhas retratados nas próximas páginas carregam uma característica em comum: todos perderam o pai ? em circunstâncias naturais, acidentais ou violentas. Por esse motivo, a proposta de produzir uma reportagem em que cada um escrevesse uma carta com tudo o que gostaria de dizer e não pôde parecia uma tarefa espinhosa. Não foi. Todos, sem exceção, aceitaram prontamente o desafio, mesmo que para alguns tenha sido difícil reviver as emoções do passado. O resultado desse esforço, que o

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Clique na imagem acima para ampliá-la

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s