Registro de viagem

Avaliamos sete modelos práticos e compactos de câmeras digitais com preço a partir de 399 reais

Qualidade, velocidade e versatilidade. Qualquer pessoa que busca uma câmera digital compacta tem em mente esses três fatores. Para não perder terreno para os celulares, as compactas estão repletas de recursos, tentativas de deixar o design atraente e preços mais acessíveis. Para você que não dispensa o registro de quase tudo, que gosta de ter uma pequena máquina sempre à mão, separamos 7 modelos compactos que podem suprir suas necessidades.

Sony DSC-W570 – Nota 7,5

camera3.jpg

camera3.jpg

As formas e o acabamento que lembra aço escovado chamam a atenção para a Sony DSC-W570. Essa Cyber-shot faz imagens de boa qualidade com um sistema de gerenciamento quase impecável. Tanto o sistema de ajustes automáticos como o de fotos panorâmicas funcionam de maneira exemplar. A falta de ajustes manuais pode parecer incômoda a fotógrafos mais experientes, mas serve aos que querem boas fotos sem preocupação. A gravação de vídeo em 720p também não desapontou. O único problema é a lentidão de processamento, quando comparada a concorrentes. A W570 está nas lojas com o preço médio de 847 reais.

Clique aqui para ler o review completo

Samsung ST80 – Nota 7,5
camera4.jpg

camera4.jpg

camera5.jpg

camera5.jpg

Para quem tem o costume de enviar fotografias recém-capturadas para a web, a ST80, da Samsung, pode agilizar o processo. Com conectividade wireless, a câmera consegue subir arquivos para os serviços YouTube, Facebook e Picasa – também é possível transferir dados pelos protocolos DLNA e Bluetooth. A operação da máquina se dá quase em totalidade através do LCD sensível ao toque, com três polegadas, com tempo de resposta e precisão melhores que a média das telas de tecnologia resistiva. O zoom da objetiva é de três vezes, começando na distância focal de 35 mm equivalentes. A ST80 tem 14,2 megapixels de resolução e 499 reais de preço.

Clique aqui para ler o review completo

Olympus FE-5030 – Nota 7,4
camera6.jpg

camera6.jpg

camera7.jpg

camera7.jpg

Qualidade razoável de imagem e visual compacto e bonito são as características principais dessa compacta da Olympus. Sua interface conta com um recurso interessante para mostrar as diferenças entre os ajustes de balanço de branco e ganho de exposição. Ele apresenta miniaturas das imagens, permitindo que o fotógrafo escolha o efeito desejado. A FE-5030 não se dá bem nos vídeos, que têm a resolução de 640 por 480 pixels, em ambientes pouco iluminados e no recurso para fotografar objetos muito próximos (macro). A FE-5030 é sua por 541 reais.

Clique aqui para ler o review completo

Tron QLS140 – Nota 7,3

camera8.jpg

camera8.jpg

Com qualidade razoável de imagem e ampla gama de recursos, a QLS140, da Tron, pode ser opção para quem precisa de um equipamento barato e de funcionamento simples. Na média, as imagens geradas têm nitidez e definição de cores. A câmera patina na gravação de vídeo e por tornar visível a distorção das imagens (efeito barril). Há ruído em ambientes pouco iluminados e valores altos de ISO, mas seu desempenho à noite é ligeiramente superior ao das concorrentes de entrada. O flash é ineficiente e com alcance abaixo do esperado. A QLS140 custa 399 reais.

Clique aqui para ler o review completo

Olympus Tough 3000 – Nota 7,2
camera9.jpg

camera9.jpg

camera10.jpg

camera10.jpg

A Tough 3000, da Olympus, é uma câmera indicada para quem busca um equipamento resistente a várias condições adversas, como baixas temperaturas (até -11ºC), choques de 1,5m de altura, e mergulhos de até três metros. A qualidade de imagem é razoável para diversas situações. Nos testes do INFOlab notamos um vermelho acentuado e uma distorção (efeito barril) pouco acima do normal. O ruído é visível no ISO 400 e pode comprometer a qualidade das fotos acima do ISO 800. A robusta sai por 1.240 reais.

Clique aqui para ler o review completo

Pentax RS 1000 – Nota 7,1
camera11.jpg

camera11.jpg

camera12.jpg

camera12.jpg

Com uma fina camada de acrílico parafusado na parte frontal, a RS 1000, da Pentax, pode “trocar de roupa” conforme o desejo do usuário. A simplicidade de ajustes e botões faz com que o registro de imagens seja feito com o mínimo de comandos. Ela é boa para fotografar uma festa com amigos e situações corriqueiras. Mas nas baladas e ambientes noturnos não se comporta muito bem: o ruído surge nas imagens a partir do ISO 200, tornando as fotos com ISO 1600 impraticáveis, tamanha sua granulação. Por outro lado, a fidelidade das cores e o aspecto geral das imagens são confiáveis. A Pentax RS 1000 custa 499 reais.

Kodak M590 – Nota 6,8
camera13.jpg

camera13.jpg

camera14.jpg

camera14.jpg

Além de um design diferenciado, a Kodak M590 traz um recurso para compartilhar fotos e vídeos em redes sociais, como o Facebook. As imagens capturadas pela máquina são fracas para mediana em ambientes bem iluminados. Em locais mais escuros, o uso do flash é praticamente obrigatório. Além do ruído aparente, as cores não apresentam boa definição. O software da câmera não é dos mais intuitivos, mas um conjunto de menus na lateral da tela facilita os ajustes mais simples. Essa Kodak custa 770 reais.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s