Os Olhos Amarelos dos Crocodilos

+ Confira salas e horários

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Resenha por Miguel Barbieri Jr.

Iris (Emmanuelle Béart), desde criança, sempre foi a filha predileta de sua mãe (Alice Isaaz). “Patinho feio” da família, Joséphine (Julie Depardieu) desfez o casamento, anda encrencada em dívidas e tem um casal de filhos para criar. Embora casada com um homem rico (Patrick Bruel), Iris nunca engrenou numa profissão e, agora, entrou numa enrascada por ter prometido escrever um livro. Pede, então, ajuda da irmã,estudiosa da Idade Média. Elas fazem um trato. Em troca de grana, Joséphine será a ghost writer da mana dondoca. Relações familiares são um prato cheio para o cinema francês e, em Os Olhos Amarelos dos Crocodilos, os personagens pensam e agem com naturalidade tornando a história, além de crível, digestiva. O problema está nos arredores do enredo central. Nas dispensáveis subtramas, o filme perde o ritmo e ganha duração excessiva. Estreou em 2/7/2015.

Ficha técnica

Direção: Cécile Telerman

Duração: 118 minutos

Recomendação: 12 anos

País/Ano:

Publicidade

Publicidade