O Cidadão Ilustre

Tipos de Gêneros dramáticos: Comédia
Veja Rio
starsstarsstarsstarsstars

(Divulgação/Divulgação)

Na primeira cena de O Cidadão Ilustre, Daniel Mantovani (Oscar Martínez, na foto com a medalha no peito) faz um discurso ácido direcionado às pessoas que lhe concederam o Prêmio Nobel de Literatura. As palavras são desconcertantes, assim como quase todos os passos do escritor dali em diante. Cinco anos depois, Mantovani, que mora em Barcelona, recusa propostas de palestras e viagens. Só aceita um convite: a prefeitura de sua cidade natal, na Argentina, quer honrá-lo com o título de “cidadão ilustre” e contar com sua presença em encontros literários. O protagonista, então, parte para o vilarejo de Salas. Entre o drama e o humor, o filme tece uma crítica espirituosa ao modo de vida “do interior”, com seus tipos machistas e reuniões sociais patéticas. O roteiro é afiadíssimo, e Oscar Martínez encarna seu personagem à perfeição. Nas palavras duras, nos gestos nobres e nas atitudes inesperadas, o intérprete hipnotiza a plateia com sua verve sagaz. Direção: Gastón Duprat e Mariano Cohn (El Ciu­da­dano Ilustre, Argentina/Espanha, 2016, 118min). 12 anos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s