Envie sua imagem

Resenha por Rafael Teixeira

Um dos remanescentes do grupo que sacudiu o showbiz brasileiro nos anos 70, Ciro Barcelos assina o texto e a direção do musical. A primeira temporada foi em 2012, mas o espetáculo surge aqui repaginado, com uma série de novos números. Praticamente só a trama permanece: um grupo de jovens atores meio desiludidos decide viver uma experiência teatral baseada na filosofia dos Dzi. Para tanto, eles contam com a ajuda de um dos integrantes da formação original — o próprio Barcelos, fazendo o papel dele mesmo. Partipações especiais de Ney Matogrosso, na terça (24/3), e do dançarino Diego Zarcon, no dia seguinte. Dias 24 e 25/3/2015.

Ficha técnica

Direção: Ciro Barcelos

Duração: 110 minutos

Recomendação: 14 anos

Publicidade

Publicidade